ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Motorista capota carro após furar preferencial no Aero Rancho

Três passageiros que estavam no veículo precisaram ser socorridas pelo Samu

Por Geniffer Valeriano e Idaicy Solano | 24/02/2024 18:03
Sandero capotado na Rua Carlos Alberto Masei, no Aero Rancho (Foto: Paulo Francis)
Sandero capotado na Rua Carlos Alberto Masei, no Aero Rancho (Foto: Paulo Francis)

Colisão entre dois carros terminou com veículo capotado no cruzamento da Rua Cajazeira com a Rua Carlos Alberto Masei, no Bairro Aero Rancho, em Campo Grande. O acidente aconteceu nesta tarde de sábado, após um dos motoristas não respeitar a preferencial da via.

Conforme apurado pela reportagem, um Renault Sandero trafegava pela Rua Carlos Alberto Masei e era conduzido por um motorista de aplicativo, de 45 anos. No veículo estavam duas idosas e uma adolescente.

Testemunhas relataram que o Sandero não respeitou o “Pare” e colidiu com o Renault Logan que seguia pela Rua Cajazeira. Com a colisão, o carro do motorista de aplicativo acabou capotando.

As três passageiras que estavam no Sandero precisaram ser socorridas pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). O estado de saúde das vítimas não foi divulgado. O Logan era ocupado por um casal, que não precisou ser socorrido.

Para realizar o controle do trânsito e registrar a ocorrência a PM (Polícia Militar) esteve no local do acidente. Os militares informaram para a reportagem que ambos os veículos estão regulares e os motoristas possuem CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Apenas um lado da via possui sinalização vertical (Foto: Paulo Francis)
Apenas um lado da via possui sinalização vertical (Foto: Paulo Francis)

Recorrente - Após a colisão vários moradores da região saíram para ver o que havia acontecido. Rose Ojeda, de 52 anos, contou que dormia no momento do acidente, mas que foi ancorada pelo barulho da batida.

“Ninguém respeita nada, esse Pare aí ninguém vem. O de lá arrancaram e o daqui ninguém viu. Já bateram até na casa da vizinha, esse tombamento aí não é o primeiro não. Tem que colocar uma placa é necessário porque aqui tem muitos acidentes”, disse.

Durante o tempo que esteve no local, a reportagem verificou que apenas uma mão da Rua Carlos Alberto Masei possui sinalização vertical. Ainda foi possível observar que a sinalização horizontal estava apagada.

O aposentado José George Menezes, de 78 anos, relata que nos 32 anos que mora na região viu muitos acidentes acontecerem no local. “A placa que tinha ali apodreceu e eu guardei ali para arrumar, mas vieram e levaram a placa. Já tem dois anos que está sem sinalização nesse cruzamento”, contou.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias