A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

12/06/2015 11:01

Mulher deposita quase R$ 3 mil em contas de Goiás achando que era para sobrinho

Luana Rodrigues


Uma mulher de 66 anos foi vítima do famoso golpe do falso acidente, na tarde desta quinta-feira(11), em Campo Grande. Ela recebeu uma ligação de uma pessoa se passando por seu sobrinho, que afirmou ter se envolvido em um acidente, quando estava viajando para a Capital e precisava de dinheiro para pagar o concerto do veículo. Só depois de realizar dois depósitos, que somados totalizaram R$ 2.900, a mulher percebeu que se tratava de um golpe.

Conforme o delegado Geraldo Marim, que atendeu o caso na 7ª Delegacia de Polícia Civil, a vítima disse que recebeu uma ligação de uma pessoa que se fazia passar por seu sobrinho Marcos, residente do estado do Rio Grande do Sul, e que estaria viajando para visitá-la, quando sofreu um acidente na estrada. O homem pediu que a "tia" depositasse dinheiro a ele para arrumar o carro e seguir viagem.

Acreditando no suposto pedido de socorro, a mulher, fez um depósito no valor de R$ 1.400 em uma conta no nome de David Bechara Parreira. Cerca de 40 minutos depois, o homem voltou a ligar pedindo um novo valor em dinheiro, solicitação prontamente atendida pela vítima, que fez outro depósito no valor de R$ 1.500,00 Reais na conta de Hellen Karla B. Oliveira.

Ainda sem desconfiar de nada, a mulher ligou para a cunhada, mãe de seu sobrinho Marcos, que supostamente tinha lhe feito a ligação pedindo socorro, quando foi informada que seu sobrinho não tinha se ausentado da cidade, e que tal ligação era falsa. Cerca de 30 minutos depois, seu sobrinho Marcos. que havia supostamente lhe feito a ligação, também lhe telefonou, voltando a afirmar que não havia se ausentado do estado do Rio Grande Sul, e que não tinha feito tais ligações.

A vítima percebeu que se tratava de um golpe e hoje pela manhã, quando estava registrando o caso na delegacia, voltou a receber a ligação da pessoa, que por telefone, confessou o crime e desligou.

De acordo com o delegado, ambas as contas são de Goiás e serão investigadas para a identificação do autor do golpe.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions