A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

26/02/2018 07:56

Mulher é presa após desobedecer e chamar policial militar de "macaco"

O caso aconteceu por volta das 15h de ontem (25), na Rua Cabo Verde, no Jardim Tijuca

Viviane Oliveira

Após confusão envolvendo briga de casal, mulher de 27 anos foi presa por chamar um policial militar de "macaco". O caso aconteceu por volta das 15h de ontem (25), na Rua Cabo Verde, no Jardim Tijuca, em Campo Grande. A autora foi autuada por injúria, desacato, desobediência e resistência.

Conforme boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada para atender ocorrência de violência doméstica e quando chegou ao local encontrou o homem tentando invadir a casa da ex-mulher que estava com o atual namorado. Os ex-marido e a mulher, então, começaram se empurrar e a equipe policial precisou intervir para que não acontecesse nada mais grave. O agressor havia se machucado no portão e sofrido ferimento grave no pé.

Descontrolada com a situação, a mulher passou a xingar os policiais militares e na sequência foi informada de que seria presa por desacato. A mulher, então, reagiu, tentou morder um policial, além de chamar um dos integrantes da equipe que tem a cor negra, de "macaco" e pé de "macaco".

A autora foi presa em flagrante e liberada após pagar fiança no valor de um salário mínimo, ou seja, R$ 954. O caso foi registado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions