A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

12/05/2014 10:00

No dia previsto para interdição, Iagro e parque abrem; só Agenfa fechou

Aline dos Santos
Iagro (ao fundo) e empresas abriram as portas nesta segunda-feira. (Foto: Marcos Ermínio)Iagro (ao fundo) e empresas abriram as portas nesta segunda-feira. (Foto: Marcos Ermínio)
Agenfa tem aviso de interdição. (Foto: Marcos Ermínio)Agenfa tem aviso de interdição. (Foto: Marcos Ermínio)

Esperada para essa segunda-feira, a interdição do Parque de Exposições Laucídio Coelho não se concretizou. Na manhã de hoje, o local estava com os portões abertos, empresas, Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) e direção funcionando. Somente a Agenfa (Agência Fazendária) estava fechada.

Na porta de vidro, um papel trazia a seguinte informação: “O atendimento será feito na Agenfa da Fernando Corrêa da Costa”. No entanto, os serviços são de forma integrada. Ou seja, é no local que são pagas as taxas de documentos emitidos pela Iagro, que funciona a poucos passos da Agenfa.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa do governo, mas não obteve informação de porquê a unidade ligada à Sefaz (Secretaria Estadual de Fazenda) está fechada hoje.

A ordem para lacrar o parque de exposições foi dada no dia 24 de abril pelo TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul). O desembargador Sideni Soncini Pimentel mandou interditar o local cinco dias após a Expogrande, que terminou em 4 de maio.

“Não tem feira, não te evento e temos licença para funcionar”, afirma o presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Francisco Maia. Para ele, não há motivo para fechamento do parque.

A feira agropecuária chegou a 76ª edição e mais uma vez foi protagonista de batalhas na Justiça. A questão central é a realização dos shows.

O MPE (Ministério Público Estadual) pediu ao TJ/MS a interdição do parque e o cancelamento da Expogrande. A Acrissul entrou com dois pedidos para suspender a interdição, mas ainda não houve manifestação da Justiça. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions