A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019

27/07/2019 15:10

Osvaldo perdeu contas de acidentes e sinalizou rua por conta própria

Tinta custou menos de R$ 50 e serviço foi realizado na manhã deste sábado

Danielle Valentim
Osvaldo mora na esquina da Maria Flauzina há 17 anos e já presenciou dezenas de acidentes. (Foto: Arquivo Pessoal)Osvaldo mora na esquina da Maria Flauzina há 17 anos e já presenciou dezenas de acidentes. (Foto: Arquivo Pessoal)

Preocupado com o crescente número de acidentes em dois cruzamentos do Bairro Jardim Presidente, o pedreiro Osvaldo Oliveira da Silva, de 47 anos, decidiu sinalizar a rua por conta própria. Com menos de R$ 50, o morador comprou tintas e, na manhã deste sábado (27), deu início ao que chama de “redução” no problema.

Osvaldo mora na esquina da Maria Flauzina há 17 anos e já presenciou dezenas de acidentes. A tinta foi comprada pelo pedreiro e a placa agilizada por outro vizinho.

Ele fez o teste há quatro anos e as batidas se reduziram consideravelmente.Foto: Danielle ValentimEle fez o teste há quatro anos e as batidas se reduziram consideravelmente.Foto: Danielle Valentim

“Só neste mês teve cinco acidentes e na semana três. O último acidente aconteceu anteontem. Sempre ficam de ir atrás de vereador, ninguém toma conta e eu tomei a atitude de comprar a tinta e pintar por conta própria. Pode ser que seja um filho da gente, um parente e agente só recebe a notícia”, esclarece.

A sinalização ficou impecável. Para quem não sabe da ação de Osvaldo, nem percebe diferenças e, segundo o morador, a redução de acidentes é garantida. Ele fez o teste há quatro anos e as batidas se reduziram consideravelmente.

A pintura aconteceu na manhã deste sábado. (Foto: Arquivo Pessoal)A pintura aconteceu na manhã deste sábado. (Foto: Arquivo Pessoal)
Placa foi agilizada por outro morador, mas Osvaldo quem instalou. (Foto: Arquivo Pessoal)Placa foi agilizada por outro morador, mas Osvaldo quem instalou. (Foto: Arquivo Pessoal)

“Eu já trabalhei com meio fio também e tenho mais ou menos uma noção. Há quatro anos, eu pintei a Rua Josefina Mingareli de fora a fora. Os acidentes reduziram, mas como era uma tinta à base de água ela só durou três anos. Já tive a experiência que dá certo sinalizar mais”, conta.

Onde está o problema? Segundo Osvaldo, as ruas Maria Flauzina e Báltico são preferenciais. Os condutores que seguem pela Rua Josefina Mingareli desobedecem à sinalização de parada obrigatória. “Eles alegam que não veem a sinalização, mas agora tem na horizontal e vertical”, finaliza.

A sinalização ficou impecável. (Foto: Arquivo Pessoal)A sinalização ficou impecável. (Foto: Arquivo Pessoal)


Parabéns ao Sr. Osvaldo, ele fez a diferença no bairro que mora. Atitudes assim é que nos dá esperança que o mundo ainda tem jeito de melhorar. Ele se preocupou com a vida das pessoas que passam ai nesse local. Enquanto que a Prefeitura não fez nada até hoje para atender as reclamações de acidentes daquele local.
 
Nojento em 27/07/2019 17:41:29
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions