A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 16 de Janeiro de 2019

30/04/2017 11:35

Pai tenta reanimar filha, mas menina de dois anos morre após mal súbito

Médico radiologista fez massagem cardíaca na criança enquanto socorro não chegava; caso será investigado como morte a esclarecer

Anahi Zurutuza e Willian Leite
Funerária saindo do residencial com o corpo da criança (Foto: Alcides Neto)Funerária saindo do residencial com o corpo da criança (Foto: Alcides Neto)

Uma menina, de 2 anos, morreu nos braços do pai após sofrer um mal súbito na manhã deste domingo (30). De acordo com o Corpo de Bombeiros, o homem, que é médico radiologista, tentou reanimar a filha por cerca de 20 minutos, mas não conseguiu. Ele mesmo constatou o óbito.

A criança morreu em casa, no residencial Damha 3, localizado no leste de Campo Grande, ainda segundos os militares.

Ao constatar que a menina estava sem ar e batimentos cardíacos, o pai começou a fazer massagem cardíaca e chamou o Corpo de Bombeiros. Um colega médico que estava na casa também tentou ajudar até a chegada do socorro.

Já no local, bombeiros também tentaram, sem sucesso, reanimar a criança.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi chamado, mas quando os socorristas chegaram à casa, a menina já estava morta.

A Polícia Civil e a perícia foram acionados em seguida. De acordo com o delegado João Eduardo Davanço, o caso será registrado como morte a esclarecer. “Não havia nenhum sinal de violência externa, por isso morte vai ser esclarecida no exame de necropsia”, afirmou.

Ainda segundo o delegado, a família está reunida na casa e muito abalada.

Assim que peritos terminaram as análises na residência, o corpo da menina foi levado por uma funerária para o Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) para investigação da causa da morte.

Nem os bombeiros e nem o delegado quiseram informar os nomes do pai e da filha.

Corpo de Bombeiros, os primeiros a serem chamados, deixando o Damha (Foto: Alcides Neto)Corpo de Bombeiros, os primeiros a serem chamados, deixando o Damha (Foto: Alcides Neto)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions