A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

15/07/2018 09:36

Prato típico, sobá ganha espaço no cardápio de hotéis na Capital

O Campo Grande News apurou que pelo menos três já o oferecem, enquanto outros quatro estudam incorporá-lo ao serviço à la carte

Kleber Clajus
Adaptação da culinária oriental, sobá é prato típico de Campo Grande e patrimônio imaterial (Foto: Fernando Antunes)Adaptação da culinária oriental, sobá é prato típico de Campo Grande e patrimônio imaterial (Foto: Fernando Antunes)

Eleito prato típico de Campo Grande, neste ano o sobá passou a integrar o cardápio de hotéis devido a demanda de curiosos turistas em experimentar algo distinto da culinária regional. O Campo Grande News apurou que pelo menos três já o oferecem, enquanto outros quatro estudam incorporá-lo ao serviço à la carte disponibilizado aos hóspedes.

Marcelo Mesquita, presidente da ABIH-MS (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis), pontuou que houve maior interesse em disponibilizar o sobá nos meios de hospedagem depois que este foi eleito pelos campo-grandenses, em janeiro, o prato típico da cidade. 

"Hotéis com restaurante próprio tem olhando para essa tendência gerada pela curiosidade dos turistas, que também vem para experimentar sabores", avaliou Mesquita, ao destacar que a mão-de-obra local ajuda a explicar um pouco mais sobre essa tradição gastronômica.

Dentro da tigela, esteticamente agradável e com aroma muito atraente, encontra-se uma adaptação da culinária oriental trazida em 1908 por imigrantes da província de Okinawa, arquipélago de influência chinesa localizado no Sul do Japão. Mas, ao chegar por aqui, o sobá teve trocado o trigo sarraceno por farinha branca no macarrão e somado o caldo de peixe (dashi) a mistura feita com osso de porco (tonkotsu), shoyu, saquê, sal e gengibre.

Levantamento do Campo Grande News, envolvendo pelo menos 15 hotéis, encontrou a iguaria somente no restaurante dos hotéis Bahamas, Deville e Vale Verde. Nos demais, a justificativa foi de que houve ação pontual, a estrutura é terceirizada ou a rede tem "forte intenção" de fazê-lo, mas sem uma previsão de quando isso se tornará realidade.

Gustavo Helmey, chef do Ritual, disse que pedidos dos hóspedes levaram o sobá a ser incluído no cardápio (Foto: Fernando Antunes)Gustavo Helmey, chef do Ritual, disse que pedidos dos hóspedes levaram o sobá a ser incluído no cardápio (Foto: Fernando Antunes)
Já no Hotel Vale Verde a iguaria adaptada da culinária oriental foi incorporada há quatro anos como diferencial (Foto: Fernando Antunes)Já no Hotel Vale Verde a iguaria adaptada da culinária oriental foi incorporada há quatro anos como diferencial (Foto: Fernando Antunes)

Gisele de Paula Dias, diretora do Vale Verde, comentou que a adoção do sobá ocorreu há quatro anos como um diferencial para contemplar a riqueza gastronômica do Estado. "Não entra na questão de competitividade ele ser adotado em outros hotéis, mas sim valoriza a regionalidade. Temos uma adesão muito grande e, eu mesma, como quase todos os dias".

Com itens como bocaiuva, mandioca e rapadura no cardápio o Ritual, restaurante do Hotel Bahamas, também adotou o sobá há quatro meses. O chef Gustavo Helmey ressaltou que a demanda dos hóspedes e a eleição de prato típico da Capital impulsionaram essa inserção, que ganhou até publicidade no elevador do estabelecimento.

Já no Deville, a iguaria divide espaço com outras opções da culinária regional desde janeiro. A gerência estima que sejam servidas pelo menos 15 porções aos fins de semana.

Patrimônio - Há 12 anos, o sobá foi tombado como patrimônio imaterial de Campo Grande, tendo até festival realizado em agosto no local onde se popularizou: a Feira Central.

Sua escolha como prato típico, por meio de pesquisa popular da Sectur (Secretaria Municipal de Cultura e Turismo), passou a incorporá-lo dentro do Plano Municipal de Turismo. A titular da pasta, Nilde Brun, destacou ainda que a prefeitura se esforça para promover o sobá não apenas junto ao trade turístico, mas também em eventos externos em que se faz presente.

Juliano Battistel Wertheimer, presidente regional da Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), observou ainda que se os hotéis são o portal de entrada da cidade, nada mais justo do que eles incorporarem o principal cartão de boas vindas ao cardápio: o sobá.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions