A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

19/04/2016 17:48

Prefeito reclama, mas afirma que dará apoio à Caravana da Saúde

Amanda Bogo e Michel Faustino
A região de Dourados foi atendida pela Caravana da Saúde no sábado (16) (Foto: Eliel Oliveira)A região de Dourados foi atendida pela Caravana da Saúde no sábado (16) (Foto: Eliel Oliveira)

O prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP), garantiu, ao deixar agenda pública na tarde desta terça-feira (19), que dará o apoio necessário para que a Caravana da Saúde possa ser realizada na Capital. Ironicamente, Bernal afirmou que a Prefeitura dará o apoio de bom grado e que "aqui não se faz Saúde apenas uma vez por ano".

“Nós apoiamos a iniciativa e por isso disponibilizaremos médicos, equipamentos e toda a estrutura necessária para que os atendimentos não se restrinjam a consulta oftalmológicas. Vamos ampliar para todas as especialidades. Alias, a caravana é importante porquê os pacientes vem tudo pra cá (Campo Grande) depois fazer os curativos”, ironizou.

O Conselho Municipal de Saúde havia solicitado que o MPF (Ministério Público Federal) acionasse a Justiça e pedisse que a Caravana da Saúde fosse embargada por considerar que a iniciativa do governo do Estado é ilegal por não ser pactuada na CIB (Comissão de Intergestores Bipartite).

O secretário estadual de Saúde, Nelson Tavares, afirmou ao Campo Grande News mais cedo que a Caravana seria realizada na cidade independente da vontade do Conselho Municipal de Saúde, e que os atendimentos realizados pela iniciativa são feitos em estruturas adequadas e preparadas para esses tipo de ações.

Em Campo Grande, a ação está agendada entre os dias 14 e 29 de maio, no Centro de Eventos Albano Franco. Deve ser a maior edição do projeto, que começou em março de 2015 por Coxim.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions