ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEXTA  26    CAMPO GRANDE 28º

Capital

Prefeitura abre seleção para contratação temporária de 440 funcionários

Vagas são para cuidador social, educador social e motorista; validade dos contratos é de 12 meses

Por Nyelder Rodrigues | 22/10/2021 10:34
Fachada da sede da prefeitura de Campo Grande, responsável pelas contratações temporárias (Foto: Marcos Maluf/Arquivo)
Fachada da sede da prefeitura de Campo Grande, responsável pelas contratações temporárias (Foto: Marcos Maluf/Arquivo)

A prefeitura publicou no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta sexta-feira (22) a abertura de processo seletivo simplificado para a contratação temporária de motoristas, educadores sociais e cuidadores sociais, atendendo demanda especificamente aberta na SAS (Secretaria Municipal de Assistência Social).

São 440 vagas, divididas em 200 postos para cuidador social, 140 para educador social e outros 100 para motoristas. O edital pode ser visto, em formato PDF, a partir entre as páginas 8 e 11 do Diário Oficial (cliquei aqui e acesse). O prazo de validade das contratações é de 12 meses, a partir da assinatura do acordo.

No caso do cargo de cuidador social, a carga horária de trabalho é de 40 horas por semana ou escala de 12 horas de trabalho por 36 de descanso. O salário bruto mensal oferecido é de R$ 1,4 mil, sendo exigida experiência e Ensino Médio.

Já a função de educador social oferece salário bruto de R$ 1,2 mil por mês, repetindo a carga horária e os requisitos para exercer o cargo. Enquanto isso, a remuneração oferecida para os motoristas que forem aprovados é de R$ 1,4 mil.

Entre os requisitos, está a exigência de possuir Ensino Fundamental completo, CNH (Carteira Nacional de Habilitação) categoria B ou superior, e não ter cometido nenhuma infração grave ou gravíssima, ou ser reincidente em infrações médias, nos últimos 12 meses. Também é necessário que o candidato não esteja com a CNH suspensa.

Convocações - Enquanto isso, a prefeitura também publicou páginas antes a convocação de 18 profissionais já aprovados em processos seletivos anteriores para contratação de funcionários temporários, a partir da vacância de vagas no município.

Ao todo, são dois psicólogos e três assistentes sociais para a SAS, dois técnicos de necropsia para a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) e mais 11 agentes de patrimônio para atender a Semed (Secretaria Municipal de Educação).

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário