A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

31/07/2013 11:37

Prefeitura anula licitação das funerária e faz contratação emergencial

Aline dos Santos
Edital ia selecionar 20 empresas para exploração e prestação de serviços funerários. (Foto: Arquivo)Edital ia selecionar 20 empresas para exploração e prestação de serviços funerários. (Foto: Arquivo)

A Prefeitura de Campo Grande sepultou a concorrência 003/2013, que iria selecionar 20 empresas para exploração e prestação de serviços funerários. Depois de empresários questionarem os valores cobrados, o edital foi suspenso e, agora, definitivamente revogado pelo poder público.

Segundo a diretora da Agereg (Agência Municipal de Regulação de Serviços Delegados), Ritva Cecilia de Queiroz Garcia Vieira, será feita contratação emergencial das 14 empresas que já atuam no setor. A validade será por três meses, período para a nova licitação.

O edital foi lançado em 4 de julho, prevendo a contratação das empresas pelo prazo de cinco anos com a cobrança de R$ 20 mil de cada uma para a outorga onerosa, o que totaliza R$ 400 mil. O valor é 307,7% maior do que o cobrado pela Prefeitura na gestão passada, quando foi de R$ 6,5 mil por empresa.

Os empresários também reclamaram por terem de pagar taxa de R$ 150 por corpo sepultado, mais gastos do velório, 1% do faturamento bruto à Agereg (Agência Municipal de Regulação de Serviços Delegados), e outro 1% à Semadur (Secretaria de Meio Ambiente Desenvolvimento).

Outro ponto de divergência foi o funeral social, que seria realizado ao custo de R$ 365, enquanto o procedimento custa ao menos R$ 1,1 mil. Já na versão da Prefeitura o edital foi revogado porque houve irregularidade na conduta das funerárias. Vistoria da Agereg constatou problemas na cobrança do serviço de preparação do corpo (tanatopraxia), já incluso no contrato de concessão.

Licitação de funerárias foi cancelada por causa de cobrança ilegal
Quem teve que pagar pela preparação de corpo de familiar para funeral (tanatopraxia) em Campo Grande pode ser ressarcido, já que vistoria da Agereg (...
Conselho cancela licitação polêmica e "estica" 14 contratos de funerárias
O Conselho Municipal de Regulação de Serviços aprovou, na quinta-feira, o cancelamento da licitação que iria selecionar as 20 empresas que teriam o d...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions