ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Prefeitura vai retomar obra de escola que começou há 5 anos e prevê 720 vagas

Construção começou em 2019, mas empresa abandonou projeto alegando aumento de preços na pandemia

Por Caroline Maldonado | 11/02/2024 11:30
Obra da escola municipal que foi iniciada em 2019 na Vila Nathália, no Portal Caiobá. (Foto: Divulgação/PMCG)
Obra da escola municipal que foi iniciada em 2019 na Vila Nathália, no Portal Caiobá. (Foto: Divulgação/PMCG)

A obra da escola municipal que foi iniciada em 2019 na Vila Nathália, no Portal Caiobá, será retomada neste ano. A unidade terá 12 salas e vai comportar aproximadamente 720 alunos, conforme a Prefeitura de Campo Grande. De todo o projeto, 49% estão construídos.

A construção faz parte de nove unidades paradas, que a prefeitura conseguiu viabilizar a retomada junto ao Governo Federal, conforme a prefeita Adriane Lopes (PP), que levou a notícia aos moradores da região nesta semana, durante ação da GCM (Guarda Civil Metropolitana) no bairro.

Adriane não adiantou qual será o valor do investimento, mas garantiu que abrirá ainda neste mês o processo para escolha da empresa que ficará responsável por terminar a obra.

“Vamos licitar ainda em fevereiro e assim que licitar as obras serão retomadas. A nossa gestão é pautada por novas ações e a partir de agora vamos retomar essa obra, que é um pedido antigo dos moradores de todo o território”, disse a prefeita.

Além de abrir vagas, a finalização da construção será um problema a menos para os moradores, porque o local já chegou a ser moradia para usuários de drogas e esconderijo de objetos furtados, conforme noticiado pelo Campo Grande News, em maio de 2023.

A obra foi interrompida pela empresa vencedora da licitação, que alegou aumento nos preços dos materiais de construção durante a pandemia de covid-19. O prédio tem 2.651 metros quadrados de área construída, laboratório, quadra poliesportiva coberta e instalações administrativas. O valor previsto no primeiro contrato foi de R$ 3,4 milhões.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias