A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

20/08/2011 07:59

Preso por assalto a casa de vereador comete suicídio no Instituto Penal

Nadyenka Castro

Edson José de Carvalho escreveu carta e depois se enforcou com toalha

Edson José de Carvalho, 32 anos, cometeu suicídio na madrugada deste sábado em uma das celas do Instituto Penal de Campo Grande.

De acordo com a Polícia Civil, Edson deixou uma carta falando que iria se matar porque não agüentava mais a rotina na cadeia.

Edson se enforcou. Ele amarrou uma toalha no pescoço e à grade da janela da cela em que estava sozinho.

Edson José estava preso desde o ano passado por roubo e violência sexual. Ele é um dos quatro envolvidos no assalto a casa de um vereador de Terenos, no dia 21 de junho do ano passado.



Não foi porque roubou q tinha que ser morto,Claudio Arantes ta certo ele não rouba mais ninguem mesmo. Eu tenho certeza q Deus o guardou la do ladinho dele pois ele sim tem o dom de perdoar.e foi o q ele nos ensinou,bom pelo menos tentou mas ´so os sabios tem o dom de aprender.!
 
intila carla orue de sales em 16/12/2011 06:46:10
Esse não rouba mais nem dá prejuízo ao estado e a sociedade!
Menos um!
 
Claudio Arantes - CG/Amambai em 21/08/2011 10:37:06
atenção autoridades ninguem se enforca em cadeia, se ele estava sozinho na cela é pq estava em cela forte,e quando alguem é conduzido aquela solitaria tem que se averiguar em que condições chegou até lá! eu particularmente nunca ouvi falar que quem resguarda preso foi responsabilizado pela morte! averiguem tem caroço neste angu!!! pode virar moda enforcamento igual na ditadura!
 
NEI FERREIRA VILELA em 20/08/2011 12:45:16
N a verdade o Direitos Humanos deveria se preocupar em ajudar quem foi roubado e fazer a justiça devolver o valor perdido. Quem estar roubando ou matando, procura a morte mesmo, isso é bíblico. Há serviço hoje para todo mundo, não trabalha quem não quer. Essa foi uma opção dele!
 
luiz alves pereira em 20/08/2011 10:38:50
Todo cidadão que vai preso fica automaticamente sob a proteção do Estado. É preciso que casos como esse jovem de 32 anos seja investigado pelos direitos humanos, pois apesar dos motivos que o levaram a prisão, o suicidio é uma justificativa pobre para quem estava preso pelo Poder Publico.
O sistema carcerário brasileiro é um caldeirão que afeta policiais e presos sob uma forma essencialmente violenta que quer se tornar comum em nome de "castigo"...
 
Marcos Terena em 20/08/2011 09:03:46
Parabens seu Edson José de Carvalho muito bem, um a menos ,obrigado.
 
jose higuain em 20/08/2011 05:06:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions