A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

06/09/2018 16:31

Preso por atacar menina é condenado a um ano e quatro meses de prisão

Douglas Igor da Silva Fernandes, 38 anos, responde por outros cinco estupros na Justiça

Guilherme Henri e Viviane Oliveira
Momento em que Douglas tenta sequestrar menina no Noroeste (Foto: Reprodução)Momento em que Douglas tenta sequestrar menina no Noroeste (Foto: Reprodução)

Douglas Igor da Silva Fernandes, 38 anos, foi condenado a um ano e quatro meses de prisão em regime aberto depois de tentar sequestrar e estuprar uma adolescente de 15 anos em fevereiro deste ano. No entanto, o homem, que também responde a outros cinco estupros continuará na prisão por ter sido condenado em outro processo, informou o TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul).

A sentença pela tentativa de crime foi publicada nesta quinta-feira (6) no Diário Oficial da Justiça. A pena base fixada para o crime foi a de 2 anos e quatro meses. Porém, foi considerado, segundo a publicação, que se trata de crime tentado. Assim, a pena foi reduzida em um terço passando a ser em um ano e quatro meses.

Douglas foi preso em fevereiro em Campo Grande, acusado de tentar sequestrar uma adolescente de 15 anos no Jardim Noroeste, colocada à força dentro de um automóvel, um Celta que pertence à mãe dele. A ação foi filmada, viralizou em redes sociais e, a partir do veículo, a polícia chegou até ele.

Mãe e filha foram encontradas pelas autoridades e ouvidas na delegacia. Conforme a garota, Douglas tinha uma faca e mandou que ela abaixasse a cabeça, arrastando-a para dentro do carro. No veículo, um Chevrolet Celta branco, ela percebeu que conseguiria abrir a porta do veículo e, mesmo com o carro em movimento, decidiu se jogar na rua, sem asfalto. A garota fugiu para casa, enquanto o autor deixou o local.

A investigação aponta que Douglas tentou fazer outra vítima, horas antes de atacar a adolescente. Trata-se de uma mulher de 24 anos, que ele abordou, da mesma forma, no Jardim Montevidéu, segundo o delegado responsável, Paulo Sérgio Lauretto.

Veja vídeo da tentativa de sequestro:



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions