A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

24/02/2018 15:23

Projeto de lei na Câmara prevê cartão de vacina online na Capital

Ideia é montar um banco de dados com as informações para facilitar o acesso

Mayara Bueno
Entrada da UPA Vila Almeida, região oeste de Campo Grande. (Foto: Alcides Neto/Arquivo).Entrada da UPA Vila Almeida, região oeste de Campo Grande. (Foto: Alcides Neto/Arquivo).

Projeto de lei que tramita na Câmara Municipal de Campo Grande prevê carteira de vacinação eletrônica. A proposta é do vereador Carlos Augusto Borges (PSB) e, se aprovada, autoriza a prefeitura da Capital a implantar a medida.

Conforme o texto, os dados referentes à vacinação serão salvos em um banco de dados por qualquer unidade de saúde.

A proposta afirma que caberá à Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) a criação de tal banco e a estrutura necessária para implantação da medida.

Ainda de acordo com o projeto, a intenção é solucionar os problemas causados pela "forma pouco eficaz do atual cartão de vacina". A medida leva em consideração, ainda, o excesso de problemas como a perda de carteiras, livros velhos, ilegíveis e estragados, bem como a mudança de cidade.

Com as informações na internet, a consulta sobre as vacinas e a impressão do documento para viagens se tornaria mais fácil.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions