A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/10/2015 16:22

Proposta de R$ 3,50 assusta e causa revolta de passageiros de ônibus

Juliana Brum
O aumento de tarifa revolta a população da Capital que reclama ( Foto - Gerson Walber)O aumento de tarifa revolta a população da Capital que reclama ( Foto - Gerson Walber)

Os usuários do transporte coletivo se assustaram com a possibilidade da tarifa do transporte coletivo na Capital passar dos atuais R$ 3 para R$ 3,50. O reajuste de 16,6% foi solicitado pelo consórcio Guaicurus.  Passageiros pedem serviço de qualidade e apontam problemas no setor, como superlotação dos ônibus e veículos em péssimas condições de conservação.

A balconista Monalisa Soares de Oliveira, 27 anos, assustou-se com o valor de R$ 3,50 e reclamou. "Ai, credo! Meu Deus, é verdade? Diariamente tomo dois ônibus e este aumento pesará em meu bolso. Eu acho engraçado, que para aumentar, eles aumentam, mas colocar mais carros rodando nas ruas, eles não colocam e a superlotação continua. Quase todos os ônibus estão em péssimas condições" reclamou Monalisa.

A aposentada Abadia Porfírio Toque, 60 anos, falou sobre o problema que os aposentados enfrentam dentro dos carros lotados, afirmando que os jovens e demais usuários não respeitam as vagas reservadas para os idosos.

"Podia ficar R$ 3 porque sofremos com o mal atendimento dos motoristas e com a superlotação. Já que vão aumentar deveria pelo menos colocar uma fiscalização dentro dos ônibus" ressaltou Abadia.

 

A balconista reprovou o aumento e reclamou da superlotação (Foto - Gerson Walber)A balconista reprovou o aumento e reclamou da superlotação (Foto - Gerson Walber)
Abadia pede por uma maior fiscalização nos ônibus quanto as vagas para os idosos ( Foto - Gerson Walber)Abadia pede por uma maior fiscalização nos ônibus quanto as vagas para os idosos ( Foto - Gerson Walber)

A insatisfação dos usuários do coletivo é grande. Todos os entrevistados reprovaram a nova proposta de reajuste. 

"Todo usuário não irá ficar satisfeito com o novo valor, mas com a crise e tudo aumentando, não há outra forma se não enfrentarmos, é claro que bom não é!" ressaltou o corretor João Carlos Paes, 48 anos. A estudante de radiologia Ana Alcântara, 27 anos, reprovou porque usa diariamente e disse que não saberá como vai fazer porque fica difícil para pagar um valor mais caro.

O pedido das empresas está sendo analisado pela prefeitura. Segundo Alcides Bernal (PP), o reajuste é inevitável, porque houve queda no número de passageiros. O outro agravante é o aumento de 14% no preço do óleo diesel nos últimos 12 meses. 

Aumento e serviços não são compatíveis segundo os usuários que reprovaram o aumento (Foto - Gerson Walber)Aumento e serviços não são compatíveis segundo os usuários que reprovaram o aumento (Foto - Gerson Walber)


É muita cara-de-pau desses administradores picaretas ainda falar em reajuste de tarifa de ônibus e, além disso, reajuste do IPTU. Eles não tem moral nenhuma para levar isso adiante, pois a cidade está esburacada, falta de ônibus nas linhas e a falta da coleta do lixo. Infelizmente a nossa população (o brasileiro) é muito mansa. O que devemos fazer é uma intervenção nessa prefeitura. É o verdadeiro descalabro! Cadê o MPE? E os vereadores? Quem administra mal deve sair e pegar "cana".
 
Hugo Alves em 29/10/2015 19:13:51
Cade os Vereadores????? vou guardar bem essa matéria para publicar ano que vem antes das eleições municipais. Ha esqueci vereador não anda de ônibus coletivo, anda de Land Rover, Corolla e outros carrões!.
 
Beto em 29/10/2015 16:46:33
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions