A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

08/07/2011 15:56

Incêndio queima seis hectares de área verde ao lado de horta

Paula Maciulevicius

Agricultor familiar e moradores assustam com fogo

Fogo alto assustou moradores e queimada pode ter atingido seis hectares, estima agricultor. (Foto: João Garrigó)Fogo alto assustou moradores e queimada pode ter atingido seis hectares, estima agricultor. (Foto: João Garrigó)

Um foco de incêndio na tarde de hoje quase atingiu uma horta em uma área verde na rua Cajarana, no bairro Rancho Alegre, em Campo Grande. A queimada começou logo depois do almoço e assustou moradores.

O pedreiro Elias Gomes, 35 anos, disse que não é a primeira vez que o terreno tem queimadas e que desta vez o fogo foi alto. “De longe eu vi o fumaceiro, tava uma fumaça feia”, conta.

Segundo o agricultor familiar Clemilton Nóbrega Martins, 36 anos, a estimativa é que seis hectares tenham sido queimados. Ele toma conta da horta que fica dentro da extensa área e fala que por pouco o fogo não pegou também as hortaliças.

“Quando eu vi o fogo já sapecou uma árvore, eu fiquei com medo de atingir a horta e se não atingisse, o calor também pode murchar as verduras. O prejuízo seria enorme”, diz.

Quando Clemilton percebeu que o fogo estava se alastrando, colocou seis esguichos de água, frequentemente usados na horta, na beirada dos dois hectares que planta, para tentar manter a temperatura média.

Incêndio não chegou atingir horta, mas o calor pode trazer consequencias para as verduras. (Foto: João Garrigó)Incêndio não chegou atingir horta, mas o calor pode trazer consequencias para as verduras. (Foto: João Garrigó)

A preocupação dos moradores é também com os animais que habitam a área. A cozinheira Libania Paulo, 50 anos, afirma que todo ano, nessa época de seca, a população coloca fogo no terreno.

“Estava na altura do poste de energia e quase subiu atingindo”, narra. “A gente fica preocupado porque aqui tem tamanduá bandeira, arara, porco do mato e tatu”, acrescenta.

A vizinhança conta que tem pessoas que saem de outros bairros para trazer lixo no local e até os próprios moradores jogam fogo para limpar. Ainda de acordo com Clemilton, os focos de queimada estão apagando e voltando há dois dias. “Os bombeiros vem e apagam o fogo, mas ainda fica queimando o dia todo”, finaliza.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions