ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, DOMINGO  07    CAMPO GRANDE 20º

Capital

Condutor empina moto ao lado de viatura e posta nas redes sociais

Sesdes encaminhou ofício pedindo medidas cabíveis a autores, que já foram identificados

Por Dayene Paz | 04/07/2022 10:51



Dois rapazes, já identificados, fizeram questão de postar um vídeo nas redes sociais no qual aparecem empinando uma moto ao passar pela viatura da GCM (Guarda Civil Metropolitana), em Campo Grande. Configurando crime, a Sesdes (Secretaria Especial de Segurança e Defesa Social) pediu medida cabível à Delegacia-geral de Polícia Civil de Mato Grosso do Sul e ao Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito).

Os dois rapazes estavam em uma moto e começaram a gravar assim que viram a viatura na via do Bairro Aero Rancho. Eles passam ao lado, mas o piloto só começa a empinar a motocicleta quando já está em uma distância considerável para facilitar na fuga. Não houve abordagem naquele momento.

No entanto, no mesmo dia, conforme apurado pela reportagem, o vídeo foi postado pelos próprios rapazes nas redes sociais e as imagens chegaram até à GCM, que identificou os dois. O dono da motocicleta também foi identificado. Todos devem responder criminal e administrativamente, conforme o secretário da Sesdes, Valério Azambuja.

O titular da pasta explicou que as manobras configuram crimes. "Responderão por expor a vida de outra em perigo, direta e eminentemente, na esfera criminal. Na esfera administrativa, o Código Nacional de Trânsito prevê também desde o recolhimento da habilitação, se for habilitado, até a apreensão do veículo e multa gravíssima", explicou. "O mais grave disso tudo é a afronta às forças de segurança", completou Valério.

O secretário também informou que encaminhou ofício na sexta-feira (1), com os vídeos anexados, à delegacia-geral e ao Detran, pedindo as medidas cabíveis. "Infelizmente as pessoas cometem esse tipo de crime só para se aparecer, não serve para absolutamente nada, a não ser colocar a própria vida em risco e a vida de outras pessoas", ponderou Valério.

Nos siga no Google Notícias