ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  27    CAMPO GRANDE 19º

Capital

Receita e Procon encontram contrabando em tabacaria da Dom Aquino

Estabelecimento reincidente comercializava produtos sem notas e impróprios para o consumo

Por Jhefferson Gamarra e Clayton Neves | 31/05/2021 15:44
Produtos para narguile apreendidos em galpão na antiga rodoviária (Foto: Kísie Ainoã)
Produtos para narguile apreendidos em galpão na antiga rodoviária (Foto: Kísie Ainoã)

O Procon/MS em conjunto com a Receita Federal e a Delegacia do Consumidor realizaram na tarde de hoje (31) uma operação de combate ao contrabando, descaminho e venda de produtos impróprios para o consumo em uma tabacaria da Capital.

O alvo da operação foi a SOS Tabacaria, localizada na Rua Dom Aquino, região central de Campo Grande. No local foram apreendidos produtos importados sem notas fiscais que comprovassem a origem e até itens com a venda proibida no Brasil.

Apreensão de produtos em tabacaria no centro da capital que já foi alvo de operação semelhante em 2019 (Foto: Kísie Ainoã)
Apreensão de produtos em tabacaria no centro da capital que já foi alvo de operação semelhante em 2019 (Foto: Kísie Ainoã)

Em 2019 o mesmo estabelecimento foi alvo de uma operação semelhante e chegou a ser fechada por armazenar e revender produtos para narguilé sem condições de consumo. Além das condições de armazenamento, na operação anterior também foram apreendidos itens importados sem documentos ou notas que comprovassem a origem legal.

O superintendente do Procon de Mato Grosso do Sul, Marcelo Salomão, adiantou operações semelhantes acontecerão em toda a cidade para conter o crime de contrabando.  "Ações semelhantes acontecerão em toda a cidade. As apreensões de hoje serve de alerta para estabelecimentos que estão atuando de forma ilegal e comercializando produtos impróprios para o consumo", disse.

Até o momento não foram divulgados a quantidade de produtos apreendidos na operação. Um caminhão da Receita Federal precisou ser acionado para recolher os produtos da tabacaria que estavam armazenados em um depósito localizado na antiga rodoviária.

Diante de das irregularidades, o estabelecimento foi multado e autuado pela Delegacia do Consumidor. Questionados , os proprietários da tabacaria não quiseram conversar com a imprensa.

Carro da Receita Federal em apoio a operação na tarde desta segunda-feira (Foto: Kísie Ainoã)
Carro da Receita Federal em apoio a operação na tarde desta segunda-feira (Foto: Kísie Ainoã)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário