A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Abril de 2019

30/11/2018 10:34

Secretaria de Administração também teve “visita” de equipe do Gaeco

No local, foi cumprido um dos 17 mandados – 3 de prisão e 14 de busca e apreensão – em ação contra fraudes em licitações do HR (Hospital Regional) de Campo Grande

Anahi Zurutuza e Geisy Garnes
Agentes do Gaeco deixando secretaria com material apreendido (Foto: Geisy Garnes)Agentes do Gaeco deixando secretaria com material apreendido (Foto: Geisy Garnes)

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado) também fez buscas na sede da SAD (Secretaria de Estado de Administração). A equipe chegou ao prédio no Parque dos Poderes nas primeiras horas do dia desta sexta-feira (30) e deixou o local por volta das 10h com documentos.

No local, foi cumprido um dos 17 mandados – 3 de prisão e 14 de busca e apreensão – em ação contra fraudes em licitações do HR (Hospital Regional) de Campo Grande.

A Operação Reagente, segundo divulgou o Gaeco, mira organização criminosa responsável pelo esquema envolvendo equipamentos médicos.

 

Também nesta manhã, agentes do Gaeco estiveram no HR e deixaram o local levando duas pastas com documentação. 

Outra equipe cumpriu mandado de busca na casa do diretor do hospital, o médico Justiniano Vavas. Ele foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo, uma espingarda calibre 36, e deixou a residência no Carandá Bosque em viatura descaracterizada.

Por meio da assessoria de imprensa, o Governo de Mato Grosso do Sul informou que a Controladoria-Geral do Estado acompanha toda a ação.

Matéria alterada às 10h46 para correção de informação.

Equipe do Gaeco saindo do Hospital Regional, onde foi cumprido mandado de busca (Foto: Henrique Kawaminami)Equipe do Gaeco saindo do Hospital Regional, onde foi cumprido mandado de busca (Foto: Henrique Kawaminami)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions