A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

29/04/2015 10:06

Servidores do Poder Judiciário param 24 horas por reajuste de 8%

Servidores garantem serviços essenciais serão mantidos apesar da greve nesta quarta-feira

Flávia Lima
Servidores do TJ permanecem em frente ao Fórum até o final da manhã, depois seguem para a sede do Tribunal, no Parque dos Poderes. (Foto:Simão Nogueira)Servidores do TJ permanecem em frente ao Fórum até o final da manhã, depois seguem para a sede do Tribunal, no Parque dos Poderes. (Foto:Simão Nogueira)

Servidores do Tribunal de Justiça do Estado estão realizando nesta quarta-feira (29) um dia de paralisação para protestar contra a falta de resposta do TJ-MS quanto as reivindicações salariais da categoria.

Segundo o presidente do Sindijus-MS (Sindicato dos Trabalhadores Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul), Fabiano Reis, entre as principais reivindicações da categoria está o reajuste salarial de 8% a partir de agosto, auxílio saúde para os aposentados e participação do sindicato na elaboração de um plano de cargos e carreiras.

Fabiano explica que essa pauta já foi encaminhada a presidência do TJ-MS em março, porém até o momento não houve resposta. Para que a população não sofra prejuízo, será mantido um contingente mínimo de pelo menos 30% dos servidores para não afetar principalmente os serviços essenciais, como a distribuição de processos e funcionamento dos cartórios.

A categoria reúne 3,1 mil servidores ativos no Estado e mil inativos. Os trabalhadores ficarão toda a manhã em frente ao Fórum Heitor de Medeiros, na Capital, à espera dos demais servidores das 52 comarcas. No início da tarde eles seguem para a sede do Tribunal de Justiça, no Parque dos Poderes, na tentativa de uma reunião com a diretoria do TJ-MS.

O presidente do sindicato enfatiza que as 24 horas de paralisação são o último ato antes da deflagração de uma possível greve, programada para acontecer caso os servidores não obtenham uma resposta quanto a pauta de reivindicações.

De acordo com a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça, ainda não há informação se os representantes do sindicato serão recebidos hoje à tarde por algum representante do TJ-MS

Confundido com ladrão, homem causa acidente e acaba agredido
Flávio Guimarães Fernandes, 39 anos, foi confundido com ladrão e agredido por moradores após se envolver em acidente. O caso aconteceu na madrugada d...
Sesau e SES recolhem quase 10 toneladas de lixo no Jardim Noroeste
A ação de recolhimento de lixo realizada em casas e terrenos baldios no Jardim Noroeste - bairro localizado na regiões leste de Campo Grande - somou ...
Apae recebe doação de brinquedos da campanha Compartilhe o Natal
Foi iniciado nesta segunda-feira (11) a entrega de brinquedos arrecadados na campanha "Compartilhe o Natal", realizado pelo Ministério Público Estadu...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions