ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, SEXTA  17    CAMPO GRANDE 27º

Capital

Simulação de acidente tem quatro veículos envolvidos e helicóptero para resgate

Ao todo, foram envolvidos oito pessoas no acidente criado

Izabela Cavalcanti e Mariely Barros | 06/10/2022 10:41
Três dos quatro veículos envolvidos na simulação do acidente (Foto: Henrique Kawaminami)
Três dos quatro veículos envolvidos na simulação do acidente (Foto: Henrique Kawaminami)

A CCR MSVia simulou na manhã desta quinta-feira (6), um acidente grave envolvendo quatro veículos, na BR-163, altura do km 466. Na ocasião, foi usado um helicóptero e três viaturas do bombeiro para auxiliar no resgate, além de seis carros da CCR e um da Polícia Rodoviária Federal.

O 8º Simulado de Acidente com Produto Perigoso e Múltiplas Vítimas, contou com a participação de diversas instituições de trânsito e resgate, tendo como objetivo de capacitar as equipes para atuarem de forma integrada e eficiente em possíveis ocorrências de alta complexidade.

Foram envolvidos dois carros de passeio, totalizando cinco passageiros; um caminhão tanque, somente com o motorista; e uma motocicleta, com duas pessoas. O produto perigoso escolhido para o treinamento foi o etanol. Ao todo 180 pessoas participaram da atuação.

"Nós estamos organizando essa simulação há 2 meses, em reuniões com todas as organizações participantes. O objetivo desde treinamento é integrar essas equipes para que em casos reais de acidentes, elas consigam atender as vítimas no menor tempo possível e com eficiência", explica coronel Humberto Matos, do Comando Metropolitano do Corpo de Bombeiros.

Helicóptero foi usado para resgatar vítimas na cena criada (Foto: Henrique Kawaminami)
Helicóptero foi usado para resgatar vítimas na cena criada (Foto: Henrique Kawaminami)

Cena – Conforme a cena criada para o treinamento, um dos veículos de passeio trafegava no sentido sul da pista e estava sendo perseguido pela motocicleta, que estava tentando assaltar o motorista.

Percebendo a situação, o motorista fez ultrapassagem em local proibido, na tentativa de fugir, mas acabou sendo atingido por disparos de arma de fogo.

Com isso, o condutor do carro perdeu o controle da direção e colidiu na lateral de outro veículo de passeio, que trafegava no sentido sul. O impacto da batida fez o carro capotar, parando sobre a faixa de rolamento.

O outro carro, onde estava a vítima do assalto rodou na pista, momento em que um caminhão tanque trafegava no local. Para conseguir desviar do carro, jogou o veículo no acostamento.

O carro de passeio foi atingido pela carreta que estava carregada com 39 mil litros de etanol. O veículo de grande porte tombou e ocasionou o vazamento do produto.

O acidente resultou em múltiplas vítimas, sendo três graves, duas moderadas, duas leves e um óbito, todas interpretadas por alunos do Curso de Enfermagem da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Como parte da história, as pessoas resgatadas foram levadas para a Santa Casa e a Unidade de Pronto Atendimento mais próxima, enquanto outra equipe atuou para conter o vazamento, adotando todas as medidas necessárias. O atendimento às vítimas foi feito por equipes do SAU (Serviço de Atendimento ao Usuário) da Concessionária, do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e Corpo de Bombeiros.

Segundo o gerente de atendimento da CCR MSVia, Luiz Fernando De Donno, este é um meio para promover inovações e alinhar conhecimentos com as demais instituições. “Estamos cumprindo nosso papel com a sociedade de garantir mais vidas salvas em nossa rodovia, além de integrar os esforços com as demais entidades do Estado. Nossa busca por inovações é constante, por isso é fundamental alinhar os conhecimentos sobre atendimento de emergência em acidentes rodoviários”, finaliza.

Confira a galeria de imagens:

  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
Nos siga no Google Notícias