A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Agosto de 2018

08/12/2011 15:52

Sindicato acusa hipermercado de explorar e intimidar funcionários

Paula Vitorino

O Sindicato dos Empregados no Comércio de Campo Grande (SEC-CG) denunciou o hipermercado Carrefour à Superintendência Regional do Trabalho e Emprego – SRTE, acusando o estabelecimento de intimidar e explorar funcionários.

Segundo a diretora do sindicato, Rúbia Santana, a empresa é acusada de obrigar os funcionários a trabalhar até duas semanas sem folga, quando a legislação determina uma folga para cada 7 dias trabalhados, banco de horas irregular, acúmulo de funções e desvio do horário de almoço.

“O clima na empresa é tenso porque os funcionários estão esgotados. Constatamos pessoalmente as irregularidades no local”, afirma.

O sindicato afirma que já notificou a empresa a regularizar a situação, desde abril, mas que a situação piorou com a proximidade do fim de ano.

De acordo com a denúncia, os funcionários estão sendo obrigados a acumular a função de operador de caixa para suprir a demanda nesse período, sob ameaça de advertência e até demissão.

“Funcionários do estoque, por exemplo, foram intimados a cobrir os caixas também. Mas eles questionam quem irá ajudar nas suas funções, já que eles também terão de dar conta do estoque”, diz.

O Sindicato afirma que caso a empresa não regularize a situação irá entrar com requerimento de fiscalização e punição no Ministério Público do Trabalho e na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego – SRTE.

Resposta - A assessoria do Carrefour enviou nota de esclarecimentos sobre as denúncias trabalhistas garantindo que “fará uma apuração interna e, caso seja necessário, tomará as providências cabíveis para tornar cada vez melhor as condições de trabalho de seus funcionários”.

A empresa ainda afirmou que cumpre a legislação trabalhista e procura “manter diálogo constante com as autoridades constituídas e os sindicatos representativos dos trabalhadores, com o propósito de aperfeiçoar as relações entre a empresa e seus colaboradores”.



...Trabalhadores, e amigos do Carrefour, abandona o barco!
Emprego tem bastante pra não tem briguiça,e gosta de trabalhar. Adm do carrefur qualidade de serviço no trabalho traz grandes retorno e grandes benefícios, se liga!!
 
Marcos Ojeda em 10/12/2011 12:15:20
Repudio toda e qualquer forma de exploração dos trabalhadores. Como protesto deixo de comprar em locais como esse. Acho que todos deveriam fazer o mesmo.
 
Adenice Lira em 09/12/2011 12:16:23
As pessoas estão esgotadas e no comércio mesmo, descontam seu cansaço em agressividade contra os clientes.
As pessoas estão sendo sugadas ao último e o resultado é esse. E a culpa TAMBÉM é nossa, não só da empresa, porque achamos lindo comércio aberto nos domingos ou até10 da noite; Frequentamos supermercados em todos os horários. Queremos tudo agora, JÁ, e ninguem pode mais descansar. Então..
 
Madalena Sortioli em 08/12/2011 07:40:12
O engraçado é que só vão atrás de grandes supermercados. Todas as lojas e mercadinhos da cidade fazem isto.
 
João Crisóstomo de Campo Grande MS em 08/12/2011 05:28:38
Se fosse só o Carrefour tava para dar um jeito, mas são todos os lugares, desde mercados à lojas normais.

 
Moacyr Neto em 08/12/2011 04:54:27
ainda bem que eu nao compro no carrefour mesmo, nunca gostei de ir la.
 
jose higuain em 08/12/2011 04:32:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions