A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

12/01/2016 09:26

Sindicato convoca assembleia contra aumento de jornada e discute greve

Aline dos Santos

Com a revogação da jornada de 30 horas, o Sisem (Sindicato dos Funcionários e Servidores Municipais) convocou assembleia amanhã para discutir o decreto do prefeito Alcides Bernal (PP) e votação de indicativo de greve. A reunião será amanhã, a partir das 18h30, na sede do sindicato.

A estimativa é que a nova medida da prefeitura de Campo Grande atinja 700 servidores. No último dia 8, a administração municipal suspendeu, por meio de decreto, a jornada de 6 horas diárias para servidores públicos. Desta forma, foi retomada a antiga carga de oito horas por dia.

O chamado da assembleia é para integrantes das categorias 1 a 16, com exclusão de agentes comunitários de saúde, agente de combate a endemias, agentes de saúde pública e administrativos da Educação e Ceinfs (Centros de Educação Infantil).

De acordo com o presidente do Sisem, Marcos Tabosa, os agentes já retomaram a jornada de oito horas há dois meses. Ontem, os administrativos da Educação e Ceinfs, que totalizam duas mil pessoas, fizeram assembleia e definiram estado de greve. “Se ele [Bernal] tocar nas seis horas dos administrativos, entram de greve no outro dia”, diz Tabosa.

Determinada no ano passado, a redução de oito para seis horas foi fruto de um acordo firmado entre o sindicato e o então prefeito Gilmar Olarte (PP). Na ocasião, os servidores pediam aumento salarial de 20%, mas, como alegava dificuldades financeiras, Olarte (prefeito afastado) resolveu reduzir a carga horária.

Conforme Bernal, o decreto é uma forma de “melhorar o serviço público e otimizar o trabalho, principalmente dos agentes de saúde, que vão intensificar o combate ao mosquito”. O Sisem fica localizado na rua Otaviano de Souza, 58, bairro Monte Líbano.

Servidores da educação ameaçam entrar em greve se jornada de 6 horas acabar
Os 2.430 servidores administrativos das escolas municipais e dos centros de educação infantil de Campo Grande, podem decidir entrar em greve numa ass...
Terminal rodoviário de Campo Grande oferece cartões de Natal gratuitos
A rodoviária de Campo Grande, mais um ano, oferece gratuitamente cartões de Natal gratuitamente para os passageiros que passarem pelo local até o pró...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions