A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

10/12/2012 11:22

Solto rapaz flagrado com menina de 11 anos em motel da Capital

Francisco Júnior
Adolescente de 14 anos confirmou que manteve relação sexual com rapaz de 27 anos. (foto: Rodrigo Pazinato)Adolescente de 14 anos confirmou que manteve relação sexual com rapaz de 27 anos. (foto: Rodrigo Pazinato)

Foi colocado em liberdade ontem (9) o rapaz de 22 anos flagrado em um motel com uma menina de 11 anos na manhã de sábado (8), em Campo Grande. Ele estava detido em uma das celas da 3ª Delegacia, no bairro Carandá Bosque.

O jovem foi indiciado pelo crime de estupro de vulnerável e corrupção de menores. O amigo dele, de 27 anos, que manteve relação sexual com uma garota de 14 anos, amiga da de 11 anos, também chegou a ser detido, mas foi liberado em seguida. A Polícia entendeu que a relação com a adolescente foi consentida.

Os jovens foram pegos em flagrante por estupro de vulnerável, depois do pai de uma delas acionar a Polícia Militar. Apesar das meninas garantirem que não houve violência, como são menores de idade, o ato sexual é considerado crime.

Elas foram a um aniversário de 15 anos no sábado, no bairro Manoel Taveira, onde moram. Durante a festa, um dos homens ligou para convidar a mais velha para sair. A garota aceitou e levou a amiga de 11 anos junto.

As duas acabaram no motel, com o rapaz e um amigo. Em depoimento, a mais velha contou que conhecida um deles há cerca de 3 meses.

Flagrado com adolescente de 14 anos é solto depois de prestar depoimento
Foi liberado pela Polícia Civil o jovem de 27 anos flagrado com uma adolescente de 14 anos em um motel de Campo Grande na manhã de hoje. Ele prestou ...
Abstenção em concurso da Câmara Municipal da Capital passa dos 30%
O domingo (17) foi de provas para milhares de campo-grandenses, tanto na manhã como no período da tarde, no concurso da Câmara Municipal, que segundo...
Com forte dores, mulher reclama de falta de atendimento em UPA
Mesmo apresentando fortes dores e inchaço na região do estômago, sem conseguir comer a três dias, uma mulher que procurou atendimento na UPA (Unidade...
Problema rotineiro, chuva causa alagamentos no bairro Cidade Morena
A chuva que atingiu Campo Grande no fim da tarde deste domingo (17) causou vários problemas à população, desde alagamentos a problemas estruturais em...


Tem uma brincadeira que homens fazem uns com os outros quando alguém vai ser pai de menina:
" - Passou de consumidor a fornecedor."
É grosseiro, mas é uma analogia bem simples do que acontece desde sempre.
O homem devora a filha dos outros durante a vida inteira, mas quando é com a sua filha, quer cadeia pro 'criminoso'.
Teto de vidro, espelho, cuspir e cair na testa, a vida é um ciclo, isso é fato.
Os caras merecem cadeia sim, não pelo crime, consentido, previsto em Lei, mas por deixar de ser homem.
Sentir-se atraído e ter a imbecilidade de levar duas meninas de 11 e 14 anos pra motel não é coisa de homem, é coisa de moleque.
 
Eder Lima em 11/12/2012 09:47:32
Tão criminoso quanto estes caras, é o Motel que deixou estas meninas entrarem, cade a fiscalização? vou adiante, bote o nome e imagens deste estabelecimento para todos verem, pois neste comercio, tem profissionais serios e tem estes tipos de comerciantes que so estão preocupados com o faturamento. Para mim, cadeia nos caras e cadeia em dobro para o dono do motel.
 
Nelson Carlos Veiga. em 11/12/2012 08:31:17
Os maiores culpados do que está acontecendo são os pais dessas crianças, onde está a responsabilidade deles com as filhas, elas são menores porque deixam elas sairem altas horas eles é que mandam nos filhos ou as filhas que mandam neles. Tem que prederem os pais assim eles tomam atitudes e deixam de serem uns bananas detro de casa.
 
rosa amelia moraes de oliveira em 11/12/2012 00:07:03
UM DIA ELES VAO SER PAI TAMBEM E TOMARA QUE OS 2 SO TENHAM FILHAS MENINAS GARANTO QUE ELES VAO CUIDAR NO ULTIMO
 
mara alves em 10/12/2012 23:53:35
Onde está a familia dessas jovens? Infelizmente as familias estão se acabando e a midia criando colocando valores errados. Que tristeza.
 
JOSE PEREIRA FILHO em 10/12/2012 23:19:24
Sr pais dessas garotas de 14 e 11 anos o que esses caras fizeram e lamentável principalmente pra de 11 anos mas pensem bem não deixem suas filhas sairem por ai deêm
graças a Deus de estarem vivas sei que e muito triste o que esses Pedofilos fizeram pra meninas um dia eles teram filhos e vão sentir o mesmo que vocês estão sentindo entregue na mão de Deus!!!!!!!!!!!!!!!!
 
regina souza em 10/12/2012 23:18:40
Em tempo quero deixar claro que tenho uma filha de 12 anos... em festa ele só vai se for comigo (nem em mãe de amiga eu confio), se alguem fizer algo com ela nao será por falta de cuidado da minha parte, criança inocente, nao vai em festa sozinha, ok?!
 
Elaine Souza em 10/12/2012 22:41:11
Engraçado ver como as coisas mudam. Sem tomar partido dos que atenuam ou dos que agravam o caso, mas minha avó, aos 14 anos, já era casada com meu avô que tinha 32 anos, e já tinham um filho, que, por sinal, era meu querido pai, já falecido.
Então, vejam que as leis derivam de conceitos sociais, que podem ser aceitos em determinadas épocas ou não. A questão é relativa e, não, absoluta.
Diferentemente de matar ou roubar, que desde sempre são atos contrários às leis, o caso, ao meu ver, não pode ser considerado um estupro.
 
Kallil Al Montssouri em 10/12/2012 22:37:27
Como diria o velho ditado "água morro à baixo, fogo morro à cima, e mulher quando quer dar, ninguem segura mesmo"... as menininhas estavam pegando fogo, se tem pai pra denunciar pra policia, pq esse mesmo pai, nao cuidou da sua filha... isso começou errado dentro de casa...
 
Elaine Souza em 10/12/2012 22:37:10
ele vai ver o que e bom na cadeia
 
ivanildo cavalcante em 10/12/2012 21:58:59
Jéssica, vc deve ser um exemplo né!!!!!!!!! acorda ow....
 
Ado Filho em 10/12/2012 19:13:30
É compreensível a indignação de alguns, mas desde a Lei 12.015/2009 que alterou o código penal brasileiro, manter relação sexual com menor de 14 anos, é ESTUPRO e, pior, CRIME HEDIONDO! Os tribunais superiores tem sido rigorosos em punir com penas duras, dentro desse entendimento, não se falando mais em presunção de violência, pois o entendimento é que a vulnerabilidade de uma criança de 0 a 11 anos, e adolescente, dos 12 aos 13 anos, é absoluta, ou seja, não admite prova em contrario, apesar de alguns doutrinadores questionarem. Protege-se com maior força a dignidade/formaçao sexual da criança e do adolescente de tenra idade. Afinal, uma criança de 10 ou 11 anos é capaz de consentir, sem vício??
 
Sueyli Lima em 10/12/2012 18:53:57
O homem que manteve relacionamento com a menina de 14 anos não cometeu qualquer crime, visto não haver proibição para sexo com essa idade, salvo em situação de prostituição, o que não parece ser o caso; o outro não: a norma despreza se o fato teve violência ou não; a lei condena qualquer prática libidinosa com pessoa menor de 14 anos e ponto final, o crime aconteceu. Mas por outro lado, onde estavam os responsáveis das jovens?
 
Gustavo Ribeiro em 10/12/2012 18:05:03
Tenho filha menor, mas creio que os pais devem se preocupar em saber com quem andas, vejo por aí altas horas da noite crianças andando com galeras, se os concelhos tutelares, juizados e delegacias de menores fizessem fiscalizações noturnas com certeza esses pais que dizem quase sempre que os filhos sairam para ir a igreja, ficariam sabendo onde andam seus filhos, não adianta querer só justiça, eduquem a molecada.
 
joao braz em 10/12/2012 15:57:22
Querendo ou não, consentido ou não, autorizado ou não, o fato é que foi ESTUPRO e tem que pagar por isso sim. Se fosse com a filha de um de voces, o que achariam se isso acontecesse? Com a filha dos outros pode? A menina pode querer, poder consentir, pode se tornar presa fácil, mas o homem de caráter pode e deve negar. E isso não deixa o homem ser menos homem. Uma criança de 11 anos não tem ainda bem definido o que seja certo ou errado. Mas um homem de 27 e 22 anos sabe bem o que estão fazendo. Nada mais justo do que pagarem por isso.
 
Jéssica Santos em 10/12/2012 15:06:45
Interessante o ponto de vista das pessoas que consideram norma, sexo entre homens e crianças semipúberes. Se vossas filhas estivessem no lugar das "crianças de 11 e 14 anos", as opiniões continuariam as mesmas? Acordem, defendam a inocência e não achem bonito o que esses caras fizeram.
 
Lucio Silva em 10/12/2012 14:46:39
Pois é Sr. Arnaldo... Com certeza o senhor não tem uma filha de 11 anos que foi levada a um motel e lá um cara de 27 transou com ela...
Se foi com ou sem o consentimento dela, se é que ela pode consentir num caso desses, não é o "x" da questão. O que a lei tem que punir é quem mantem relação sexual com crianças de menos de 14 anos, com ou sem o consentimento dela.
O dia que o senhor tiver uma filha, e ela for violentada sexualmente, daí o senhor vem aqui dizer que: "foi diferente... foi outro tipo de caso..."
 
Rodney OSilva em 10/12/2012 14:45:20
Tem que tentar entender o que houve realmente, claro os caras estão errado em se envolver com meninas tão novas, mas daí dizer que eles cometeram estupro, sendo que elas mesmo já disseram que quiseram. E as meninas garantiram que não houve violência!!! Volto a dizer eles erraram no envolvimento com garotas tão novas ainda mais a de 11 anos. Masss estudem bem o caso...
 
Ernesto Pereira em 10/12/2012 12:31:29
O cara não tem antecedentes e a menina que quis... Vai botar o cara no presídio pra que? Pra ser violentado?
 
Arnaldo Silva em 10/12/2012 11:47:32
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions