A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

11/10/2017 18:55

Suspeito de matar irmão a facadas é preso em sítio de família

Renata Volpe Haddad
Duas facas foram apreendidas no local do crime. A vítima estava segurando uma, quando foi encontrada morta. (Foto: Marcos Ermínio)Duas facas foram apreendidas no local do crime. A vítima estava segurando uma, quando foi encontrada morta. (Foto: Marcos Ermínio)

Principal suspeito de matar José Edno da Silva Arce, de 53 anos, o irmão, identificado como José Edgar da Silva Arce, foi preso no início da noite desta quarta-feira (11), no sítio de um familiar, localizado na saída para Rochedo, distante 74 km de Campo Grande.

Edgar já está na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento) do bairro Piratininga e o delegado Rodrigo Camapum, afirmou que o suspeito não quis prestar depoimento. "Ele disse que vai permanecer em silêncio, mas há testemunhas do crime. Ele tem passagem policial, inclusive, por tentativa de homicídio contra uma outra pessoa".

Crime - José Edno da Silva Arce, de 53 anos, foi assassinado a golpes de faca após um suposto desentendimento familiar no início da tarde desta quarta-feira (11), em Campo Grande. O crime aconteceu em uma residência da Rua Aparecida, na Vila Progresso.

Os irmãos moravam juntos na casa e por volta das 13 horas teriam discutido. Durante a briga, que teria começado dentro do imóvel e terminado na rua, José Edno recebeu três golpes de faca no tórax. Ele morreu antes de receber atendimento.

Duas facas foram apreendidas, uma faca na mão da vítima e outra próximo ao corpo, jogada na calçada. A última estava suja de sangue e possivelmente foi usada no homicídio.

 

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions