A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

14/03/2015 09:38

Taxista dorme no volante, bate, arrasta poste por 15m e cai em córrego

Colegas do taxista disseram que Marcos estava trabalhando desde a tarde de sexta-feira

Juliene Katayama e Michel Faustino
Táxi foi retirado do córrego depois de quatro horas do acidente (Foto: Marcelo Calazans)Táxi foi retirado do córrego depois de quatro horas do acidente (Foto: Marcelo Calazans)
Carro ficou destruído depois de cair em córrego com as rodas para o ar (Foto: Marcelo Calazans)Carro ficou destruído depois de cair em córrego com as rodas para o ar (Foto: Marcelo Calazans)

O taxista Marcos Pinheiro Fernandes, 32 anos, caiu no córrego Segredo, na madrugada deste sábado (14), depois de dormir no volante, bater e arrastar poste de iluminação por 15 metros. O acidente foi na Avenida Ernesto Geisel, em frente ao Centro de Belas Artes, na Capital.

O BPTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito) estima que o condutor estava a 80 km/h no momento do acidente. Fernandes trafegava no sentido bairro-centro quando dormiu no volante. Colegas do taxistas disseram que Marcos estava trabalhando desde a tarde de sexta-feira (13).

Depois de trabalhar uma tarde inteira, Fernandes teria ido a uma casa de shows e trabalhado a noite inteira. Os taxistas dizem acreditar que o colega já estava indo embora quando o acidente aconteceu.

Segundo a polícia de trânsito, o taxista foi encaminhado para Santa Casa com suspeita de ter quebrado uma costela. Marcos era taxista auxiliar. A proprietária do veículo acompanhou a retirada do táxi do córrego, nesta manhã, e estava visivelmente desesperada. Ela estava em prantos.

O veículo ficou destruído depois de cair com as rodas para o ar no córrego. O taxista ainda conseguiu sair do carro depois do acidente. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions