A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

01/05/2012 13:58

Mais um artefato militar é achado; veja vídeo de explosão de um deles

Luciana Brazil
Cigcoe recolhe artefato no bairro Nova Campo Grande na tarde de segunda-feira (30) (Foto Arquivo/João Garrigó)Cigcoe recolhe artefato no bairro Nova Campo Grande na tarde de segunda-feira (30) (Foto Arquivo/João Garrigó)

Uma nova munição militar foi descoberta no bairro Los Angeles, em Campo Grande, na noite de sábado (30). O artefato foi recolhido por policiais da Cigcoe (Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais) e passa por análises, antes de ser detonado. O que foi descoberto no sábado, em uma casa na região do bairro Nova Campo Grande, foi detonado hoje pela unidade.

A terceira munição militar encontrada em Campo Grande, em menos de uma semana, foi descoberta quando um morador do bairro Los Angeles entrou em contato com a Cigcoe afirmando que mantinha em sua casa o mesmo tipo de munição que estava sendo divulgada pela mídia.

Segundo a Cigcoe, o morador só teve conhecimento do que se tratava após acompanhar a história dos moradores do bairro Nova Campo Grande, noticiada pelo Campo Grande News, no último sábado (28).

De acordo com o major, sub-comandante da Cigcoe, Wagner Ferreira da Silva, o artefato já foi recolhido e levado para análise.

Projétil tinha mais de 10 cm de comprimento e quase 8 cm de largura (Foto: Divulgação)Projétil tinha mais de 10 cm de comprimento e quase 8 cm de largura (Foto: Divulgação)

Bairro Nova Campo Grande - A bala de canhão, recolhida no bairro Nova Campo Grande, na tarde de segunda-feira (30), foi detonada na manhã desta terça-feira (1). A explosão aconteceu em uma área rural da cidade, utilizada pela Cigcoe para esses fins.

Segundo o major, todos os procedimentos operacionais da detonação não podem ser divulgados para segurança dos policiais e da companhia. “Nós seguimos um protocolo baseado no protocolo internacional, orientado pela ONU (Organização das Nações Unidas) e devido a isso nós não podemos divulgar nem mesmo o número de policiais que participaram da operação”.

A bala de canhão, segundo o major, não estava mais ativa. “Nós fizemos a neutralização e foi concluído que a característica químico-física da bala não estava mais ativa. Mais isso é agora, não sabemos se há 10 ou 5 anos ela estava ativa”, afirmou.

Após a explosão realizada pelo Cigcoe, o artefato se reduziu a pedaços carbonizados (Foto: Divulgação)Após a explosão realizada pelo Cigcoe, o artefato se reduziu a pedaços carbonizados (Foto: Divulgação)

Como foi - O primeiro artefato militar foi encontrado na manhã de sábado (28), em uma obra do grupo Brooskfield, no bairro Nova Campo Grande. A munição foi descoberta por um trabalhador da obra. A munição foi detonada no mesmo dia.

Ainda no sábado, a equipe do Campo Grande News descobriu um novo artefato militar, também no bairro Nova Campo Grande, que foi detonada na manhã desta terça-feira (1).

A terceira munição, descoberta na segunda-feira(30), no bairro Los Angeles, já foi recolhida e passa por análises.

Veja abaixo o vídeo da explosão do artefato que era usado como peso de porta.



Não tem mistério para destruir o projétil. É muita fantasia. É só colocar uma outra carga explosiva, embalada com o projétil, que tudo vai para os ares. É certo que se tem que tomar as medidas de segurança. Mas não é bicho de sete cabeças não...
 
Álvaro Roberto em 02/05/2012 12:08:01
Para quem entende de munição, sabe muito bem que esse projétil não tinha perigo nenhum. Estão fantasiando o episódio para ter noticias. Quem deveria se pronunciar, seriam o pessoal do exército que são especilalistas no assunto. Essa munição talvez foi disparada pelos exercicios que eram realizados na área, pelo antigo G can. O projétil para explodir precisa de um acionador.
 
álvaro roberto em 02/05/2012 12:04:23
Assisti o video, mas por ser um explosivo de um canhão do exercito achei que o estrago seria bem maiór,seria porque o projétil é muito antigo?.e claro, não gostaria de estar na mira dele.
 
Teresa Moura em 02/05/2012 09:37:58
Ate´ achar os artefatos tudo bem pode até ser perigoso, agora levar pra dentro de casa já é outra conversa.
 
João Crisóstomo de Campo Grande - MS em 02/05/2012 07:27:43
O exercito não cuida de suas balas de canhão, vão cuidar das dinamites???
Ah!!!! Mais isso foi perdido a 15 anos atras!!! Alguem diria. E dai??? A responsabilidade e a mesma. Amanhã nos estaremos achando tanques de guerra, metralhadora, pistolas e outras cositas mais largadas por ai....
E ninguem sera responsabilizado!!! Como diria o Boris Casoy... ISSSO É UMA VERGONHA....
 
Alfredo Carvalho em 01/05/2012 03:37:39
O que estes explosivos estavam fazendo fora dos paiois do nosso bravo exercito???
De quem e a responsabilidade??? Quem usa canhões?? Não é o exercito??? Quem foi o inrresponsavel que deixou estes artefatos jogados por ai???
Engraçado né?? Ate agora ninguem fez estas e outras perguntas ao tão famoso COMANDO MILITAR DO OESTE.
Não é atoa que bandidos tenhem, feitos uso indiscriminado de dinamite.
 
Alfredo Carvalho em 01/05/2012 03:32:11
Nada mais natural..
Campo Grande tem muito canhão..
Agora estão aparecendo as balas.
 
Maurício Castello em 01/05/2012 02:38:39
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions