A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

15/11/2013 12:16

Trabalhadores paraguaios trabalhavam em situação degradante em Terenos

Aliny Mary Dias
Trabalhadores estavam em situação degradante (Foto: Divulgação/MPT) Trabalhadores estavam em situação degradante (Foto: Divulgação/MPT)

Um grupo de trabalhadores paraguaios trazidos para a zona rural de Terenos, distante 25 quilômetros da Capital, foi encontrado por uma equipe do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) em condições degradantes nesta semana.

Os trabalhadores foram resgatados pela equipe do ministério que fiscalizava a região. Conforme a denúncia, os trabalhadores estavam alojados em barracos e o local precisou ser interditado por auditores fiscais.

Alguns trabalhadores estavam há 18 dias na fazenda. No total, 10 trabalhadores, nove paraguaios vindos de Bella Vista, no lado paraguaio, um adolescente de 15 anos, e um brasileiro estavam no grupo. Parte dos trabalhadores estrangeiros era de indígenas paraguaios.

Depois de resgatados, os homens foram trazidos para a Capital e os donos da fazenda foram multados. Um TAC (Termo de Ajuste de Conduta) foi firmado ontem (14) durante audiência entre o MPT e os donos da fazenda.

Conforme o compromisso, cada trabalhador recebeu uma remuneração devida referente ao dano moral individual sofrido pela situação de exploração a que foram submetidos. Em caso de descumprimento do TAC, a multa será de R$ 500,00 para cada item descumprido, multiplicado pelo número de trabalhadores prejudicados.

Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


Eles num tava lá obrigado eles tavam lá porque queria trabalhar e ganhar o seu dinheiro e aonde eles mora não tem serviço e muitos deles passam fome
 
Jesney Barbosa De Souza Costa em 16/11/2013 09:41:57
Eles num tava lá obrigado eles tavam lá porque queria trabalhar e ganhar o seu dinheiro e aonde eles mora não tem serviço e muitos deles passam fome
 
Jesney Barbosa De Souza Costa em 16/11/2013 09:39:32
O MTE, devia ter publicado o nome do fazendeiro(a) , nome da fazenda, porque é inadmissível que ainda encontramos pessoas desumanas com seres humanos. Sem mais comentário, porque isso é degradante, humilhante demais. Parabéns ao MTE, e da próxima vez seria muito bom informar os signatários do imóvel para a sociedade conhecê-los melhor.
 
JOÃO ALVES DE SOUZA em 15/11/2013 23:40:41
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions