A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

28/05/2012 12:49

Três são presos por assassinato ligado à jogatina; um é policial civil

Nadyenka Castro

As prisões foram feitas na manhã desta segunda-feira pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado)

Andrey Galileu Cunha foi morto a tiros na rua Rio Grande do Sul. Ele era passageiro de um Fiat Siena. O motorista também foi baleado. (Foto: Marlon Ganassin/ Arquivo)Andrey Galileu Cunha foi morto a tiros na rua Rio Grande do Sul. Ele era passageiro de um Fiat Siena. O motorista também foi baleado. (Foto: Marlon Ganassin/ Arquivo)

Três pessoas foram presas na manhã desta segunda-feira, em Campo Grande, por envolvimento no assassinato de Andrey Galileu Cunha, ocorrido dia 23 de fevereiro. Um deles é investigador da Polícia Civil lotado na Deops (Delegacia Especializada de Ordem Política e Social).

Os três foram presos pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) em cumprimento a mandados de prisão temporária expedidos pelo Poder Judiciário. Os mandados tem validade de 30 dias, podendo ser prorrogados.

Investigação da Polícia Civil apontou que o homicídio teve ligação com a exploração de jogos de azar: máquinas caça-níquel. Também foi verificado que Andrey, momentos antes de ser morto, esteve na Deops, com policial.

A Deops é responsável pela concessão de alvarás a estabelecimento relacionados à diversão. O Campo Grande News apurou que o investigador teria chamado Andrey para ir a delegacia como parte do plano do assassinato.

O policial é o mesmo que foi preso na operação Orfeu, deflagrada pelo Gaeco, no início do mês para apreender máquinas caça-níquel e também de música não licenciadas.

Em cumprimento a mandado de busca e apreensão na casa do investigador, o Gaeco encontrou no local um revólver calibre 38 com documentação vencida e munições ponto 40 e 38 sem documentação, provavelmente compradas no Paraguai. Ele foi autuado em flagrante de posse irregular de arma de fogo.

O assassinato - Andrey foi morto a tiros por dois homens em uma motocicleta, na rua Rio Grande do Sul, quase esquina com a rua Da Paz.

Ele era passageiro de um Fiat Siena dirigido por um homem que também foi atingido por tiros, mas, sobreviveu. Ambos tinham envolvimento com a jogatina Andrey já havia sido preso várias vezes.

O policial militar aposentado Nelson Barbosa Oliveira foi detido no início de março por suspeita de envolvimento no crime. Ele prestou depoimento por três horas e foi liberado.



Gualter Eugenio se você acha que a força nacional resolve,então quem prendeu os acusados??? Por favor me mostre o que essa força nacional fez no estado desde que chegaram...
 
Arivaldo Paiva em 29/05/2012 09:45:00
Cruz credo o bicho é feio mesmo...... Só a força nacional na pra resolver...
 
gualter eugenio em 29/05/2012 07:37:00
POR MIM NEM INVESTIGAVA ESSA MORTE, QUEM MORREU NAO PRESTAVA MESMO!!!!
 
RODRIGO DUARTE em 28/05/2012 08:46:11
Deixo aqui meu apoio a todos os funcionários Públicos, que através de muito esforço e dedicação e estudo conseguiram passa na prova de seleção para o ingresso nesta carreira. Que comentários infelizes como do Sr. Pedro Braga, que generaliza em dizer que todos fazem parte da banda podre, não passa de um desabafo de uma pessoa frustrada.
 
Kaio Ferraz em 28/05/2012 04:38:09
Sr;governador a coisa ta feia na segurança publica,virou festa agora jukebox ,caça niqueis,carteado,jogo bicho esta discaradamente e a policia nao faz nada toda essa jogatina sem recolher impostos, casas noturnas,boates sera que todas estao com alvara e dia, vou dar uma sugestao monte uma operaçao com parceria da POLICIA MILITAR,e orgaos competente de fiscalizacao,para acabar um pouco com a farra
 
junior ortiz em 28/05/2012 04:21:00
Porque não divulgar o nome do policial civil?
 
Paulo Oliveira em 28/05/2012 04:13:05
nimquem fala mais da operação las vegas os PMS que foram presos inclusive um capitão recebem do governo do estado um salário e pode voltar a trabalhar para a segurança da população um verdadeiro deboche um descaso não só a população mas ao ESTADO de principio e direito quando esses corruptos que usam a farda da nossa honrada PM irão ser excluidos da corporação?
 
sandra lima em 28/05/2012 04:07:00
GOVERNADOR, A COISA ESTA FEIA, DENTRO DA SEGURANÇA PÚBLICA, V.EXCIA, PRECISA SE CUIDAR, POIS COLOCAMOS V.EXCIA, PARA GERIR 100% O ESTADO EM TODOS OS NÍVEIS, E A ATIVIDADE PRINCIPAL DE SEGURANÇA ESTA PODRE, SE VIRE GOVERNADOR, EM NOME DE DEUS E DO POVO, EXCLUA O QUE NÃO PRESTA DE PERTO DE NÓS, URGENTEMENTE, FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS, SE CUIDEM AÍ, PORQUE AQUI FORA A COISA NÃO ESTÁ FÁCIL, ZELE EMPREGO.
 
PEDRO BRAGA em 28/05/2012 03:08:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions