A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Agosto de 2019

19/05/2019 11:54

Três são presos por suspeita de arremessar drogas para dentro de presídio

Um dos envolvidos mostrou fotos que comprovam crime, segundo registro policial

Mayara Bueno
Equipes policiais deixam penitenciária de segurança máxima. (Foto: Saul Schramm/Arquivo).Equipes policiais deixam penitenciária de segurança máxima. (Foto: Saul Schramm/Arquivo).

Três pessoas foram presas na madrugada deste domingo (dia 19), em Campo Grande, suspeitos de arremessar drogas no Presídio de Segurança Máxima, localizado no Jardim Noroeste.

Conforme o registro policial, um homem que se identificou como ‘mascote’ do PCC (Primeiro Comando da Capital) foi abordado pela equipe que fazia ronda na Rua Barbacena. Ele é foragido e possui um mandado de prisão, além de boletins de ocorrência por ameaça e organização criminosa.

Ao ser questionado, o homem afirmou que arremessa drogas para o presídio e ainda mostrou fotografias em seu celular que comprovam a atitude. Parte da droga, afirmou aos policiais, era armazenada em uma residência, localizada na Rua Urupes, sob os cuidados de uma pessoa cujo apelido é “corinthiana”.

Outra mulher que mora no local atendeu os policiais e afirmou que o marido está preso na penitenciária. “Corinthiana” seria amiga da mulher e dormiria em sua casa.

Dentro da geladeira, foram encontradas sete porções de maconha totalizando 347 gramas. Em meio a roupas sujas, um saco com a escrita “RS” continha 106 gramas de cocaína. Da forma como estava embalado, o produto seria lançado para dentro do presídio, aponta o registro policial.

Outros itens, como tesoura e três rolos de fita adesiva, cujo material é o mesmo da embalagem que abrigava a droga, foram encontrados. Os três foram presos por associação criminosa e tráfico de drogas.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions