A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

09/06/2018 11:43

Uber que abandonou adolescente em BR violou 2 regras e pode ser expulso

Empresa afirma que investigará situação e admite que tanto desembarcar usuários em locais diferentes ou embarcar menores desacompanhados ferem condutas do aplicativo

Danielle Valentim

A empresa Uber se posicionou a respeito do motorista que teria abandonado uma adolescente de 15 anos na BR-163, em Campo Grande, por não ter dinheiro suficiente para a corrida. A firma pontua que investigará o fato, mas admite que tanto deixar o usuário em local diferente quanto embarcar menores desacompanhados ferem os Termos & Condições e o Código de Conduta do aplicativo.

Ao Campo Grande News, a mãe da menina explicou que a viagem foi solicitada com um código promocional, que não foi validado. No último domingo (3), a menina iria almoçar na casa do namorado, e uma amiga, que tinha o código, pediu a corrida, que sairia R$ 10.

O terror da adolescente começou, quando a corrida foi encerrada e avaliada em aproximadamente R$ 30. Ao ser informado que a garota não teria o dinheiro suficiente, trancou o carro e começou a circular pela cidade enquanto conversava com outros motoristas através de um rádio.

Assim que foi abandonada, a garota ligou para a mãe, que foi ao seu encontro, próximo ao posto Platinão. Usando o aplicativo, a mãe reportou à Uber e acontecido e ainda realizou um boletim de ocorrências. "A Uber me disse que, como eu já tinha feito o boletim, a polícia que deveria entrar em contato com a empresa e não garantiu mais nada" reclamou.

Neste sábado (9), em resposta ao caso, a Uber informou em nota, que espera que motoristas parceiros e usuários não se envolvam em brigas e discussões de qualquer natureza e quaisquer problemas com relação a diferença de valores devem ser tratados pelo menu ajuda do aplicativo.
Além disso, afirmou estar investigando o ocorrido. A empresa lembra que o valor das viagens é sempre informado no momento da solicitação - no caso específico, foi de R$ 36,17.

A empresa admite que tanto deixar o usuário em local diferente do solicitado quanto embarcar menores de idade desacompanhados são práticas que ferem os Termos & Condições e o Código de Conduta de uso do aplicativo e podem levar à desativação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions