A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Novembro de 2019

05/11/2019 19:41

UFMS vai receber 299 luminárias de LED até o início do ano

Orçado em mais de R$ 466 mil, projeto prevê substituição de toda a iluminação da Cidade Universitária

Adriano Fernandes
Cidade Universitária da UFMS em Campo Grande. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)Cidade Universitária da UFMS em Campo Grande. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Assim como em algumas das principais ruas e avenidas da Capital a Cidade Universitária da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) em Campo Grande, também terá todo o seu sistema de iluminação substituído por iluminação de LED, que é mais econômica e eficiente. Serão instaladas 299 luminárias por todo o campus até o início do próximo ano.

Um investimento de exatos R$ 466.543,54 conforme a Energisa, concessionária que administra a distribuição de energia na Capital. O termo de cooperação da empresa com a instituição foi assinado nesta terça-feira (05).

“A Energisa leva para UFMS equipamentos de altíssima eficiência e qualidade proporcionando a redução nas despesas com energia, e acima de tudo, mais segurança para alunos, professores e técnicos da instituição”, comentou o diretor-presidente da concessionária, Marcelo Vinhaes.

O projeto faz parte do Programa de Eficiência Energética da Energisa e segue as normas da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica). A iniciativa prevê a destinação dos recursos para instituições culturais, filantrópicas e unidades de saúde e de educação.

Para o reitor da UFMS, Marcelo Turine, a parceria fortalece o programa UFMS Sustentável, que estimula o consumo consciente e a utilização de fontes alternativas de energia para o desenvolvimento ambiental da universidade.

Reunião com representantes da Energisa e da UFMS. (Foto: Leandro Benites/UFMS)Reunião com representantes da Energisa e da UFMS. (Foto: Leandro Benites/UFMS)

“Estamos muito felizes e confiantes que esse acordo trará muitos benefícios para a comunidade universitária, melhorando a infraestrutura e promovendo a qualidade do ensino, pesquisa, extensão, empreendedorismo e inovação da UFMS, a única do estado entre as melhores universidades do mundo", completou.

Em maio, a Energisa também concluiu a implantação do Projeto de Eficiência Energética no Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (Humap-UFMS).

Foram substituídos 214 aparelhos de ar condicionado e 75 equipamentos de refrigeração, como geladeiras, frigobares e freezers, todos com selo Procel de Economia de Energia. Os novos equipamentos foram instalados na área administrativa, laboratórios, enfermarias, auditórios e salas de aula.

Participaram da assinatura do convênio o diretor técnico e comercial da Energisa, Paulo Roberto dos Santos, o diretor da Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo e Geografia, Robert Schiaveto, assessor para empreendedorismo e inovação da PIME UFMS Jardel Matos, e o pró-reitor de Administração e Infraestrutura da universidade, Augusto Malheiros.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions