A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

16/03/2018 08:12

Um quilo de alimento garante capacitação na área de fisioterapia hospitalar

1°Simpósio de Fisioterapia Hospitalar ocorre neste sábado (17), das 8h às 12h30, na Câmara Municipal de Campo Grande

Danielle Valentim
Uso prolongado da ventilação mecânica pode oferecer riscos como a fraqueza muscular respiratória, por isso, é importante a retomada da ventilação espontânea assim que o paciente apresentar melhora. (Foto: Divulgação)Uso prolongado da ventilação mecânica pode oferecer riscos como a fraqueza muscular respiratória, por isso, é importante a retomada da ventilação espontânea assim que o paciente apresentar melhora. (Foto: Divulgação)

Neste sábado (17) acontece em Campo Grande o 1°Simpósio de Fisioterapia Hospitalar no prédio da Câmara Municipal de Campo Grande, das 8h às 12h30. Um quilo de alimento não perecível garante a vaga no evento. Os donativos serão entregues a uma instituição filantrópica da Capital.

Entre os palestrantes, o professor do curso de Fisioterapia da Anhanguera, Rodrigo Koch, explica sobre o desmame da ventilação mecânica, um tratamento para os pacientes com alterações graves da função respiratória dentro da unidade de terapia intensiva (UTI) que tem o objetivo de manter a oxigenação do organismo através do ventilador mecânico.

"O uso prolongado da ventilação mecânica pode oferecer riscos como a fraqueza muscular respiratória, por isso, é importante a retomada da ventilação espontânea assim que o paciente apresentar melhora do quadro de saúde. O processo de transição da ventilação artificial para respiração espontânea, denominado desmame, ainda é considerado uma área de penumbra, sendo, em alguns casos, de difícil decisão e definição do momento ideal a ser realizado", esclarece Koch.

Especialista em Atenção do Paciente Crítico, em Fisioterapia Intensiva Adulto, mestre e atualmente cursando o doutorado em Saúde e Sociedade, o professor explica que o fisioterapeuta é um profissional habilitado para conduzir a retomada do processo de respiração natural aos pacientes que necessitam de suporte mecânico para manter a função respiratória.

"As constantes discussões e trocas de experiências sobre o tema são fundamentais para o contínuo aprimoramento visando otimizar esse processo diminuindo os riscos aos pacientes e melhorando os resultados", complementa.

Para participar, basta se inscrever e doar um quilo de alimento não perecível no dia do encontro. As inscrições podem ser realizadas aqui.

Além da ventilação mecânica, o evento contará com capacitações sobre treinamento muscular inspiratório e mobilização precoce no paciente crítico, ministradas pelos fisioterapeutas Marcos Antônio S. Ferreira Junior e Gabriel Victor Guimarães Rapello. A realização do 1° Simpósio de Fisioterapia Hospitalar é do vereador Vinicius Siqueira e organização de Denis Pereira.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions