A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

29/11/2011 09:05

Velório do coordenador do MST é realizado na sede do movimento em Campo Grande

Francisco Júnior

Corpo será sepultado em Santa Catarina

Corpo será sepultado em Santa Catarina. (Foto:Damarci Olivi)
Corpo será sepultado em Santa Catarina. (Foto:Damarci Olivi)

O velório do coordenador geral do MST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra) em Mato Grosso do Sul, Egídio Brunetto, morto em um acidente de trânsito ocorrido ontem na rodovia MS 164, entre Maracaju e Ponta Porã, está sendo realizado na sede da entidade em Campo Grande, na rua Rua Juruena,309, bairro Taquarussu.

O velório segue até o fim da tarde desta terça-feira hoje. O sepultamento acontecerá na cidade de Dionísio Cerqueira, em Santa Catarina.

Em nota, a coordenação nacional do movimento lamentou a morte de Egídio Brunetto.“O MST e o povo brasileiro perdem um grande companheiro e um ser humano exemplar, um guerreiro Sem Terra que andou pelo mundo, construindo alianças com a classe trabalhadora”.

Conforme a nota, “Egídio foi um ser humano muito especial. Filho de camponeses sem terra. Trabalhou desde a infância na roça e, sempre muito esperto e indignado, envolveu-se com a pastoral da terra na região de Xanxerê, em Santa Catarina, e se transformou em militante do MST desde a década de 80”.

Acidente - O acidente aconteceu na tarde de ontem. Egídio Brunetto viajava em um veículo com outras três pessoas. Duas foram levadas em estado grave para o hospital de Ponta Porã e a outra morreu.

Eles seguiam rumo ao Assentamento Itamarati, um dos maiores projetos da reforma agrária em Mato Grosso do Sul.



PENSEI LOGO NO ATENTADO QUE LEVOU A MORTE DE JUSCELINO KUBITSCHEK NA RODOVIA PRESIDENTE DUTRA!
 
SEBASTIÃO SIQUEIRA em 18/01/2014 19:08:09
A classe trabalhadora neste momento tão triste, chora a perca do companheiro Egídio, e o MST como campo de atuação deste companheiro sente sua ausencia, mas a morte não é tudo nem o fim para quem como ele deixou seu legado, e que este seja levado a frente, com o propósito que se concretize o internacinalimo ea unificação da classe tralhadora como ele gritemos Globalizemos a luta globalizemos a esp
 
Ederson da Silva em 11/12/2011 03:27:31
Se vivessemos como egidio Viveu, despagado de bens materiais, com certeza viveriamos mais felizes... Ele viveu e morreu feliz, por cumprir sua missão aqui na terra, e seu largo sorrizo de todos os momentos, q não sairá de nossa mente, sempre demosnstrou isso... Saudades eternas de tí companheiro e amigo...Descanse em Paz!
 
Rosângela Benetti em 07/12/2011 02:07:27
As homenágens, as pessoas presentes no seu ultimo momento, a tristeza no olhar da pessoa mais simples até as autoridades presentes, mostraram a grandiosidade de suas açoes em favor do seu semelhante... Nem nós companheiro, não tinhamos dimensão da falta que você faria para a classe trabalhadora, mas com certeza seguiremos teu exemplo e serás força para nossa caminhada... Egidio Brunetto, Presente!
 
Rosângela Benetti em 04/12/2011 09:13:22
Grande, companheiro, comprometido com a luta e na busca de uma sociedade jmais usta, dedicou grande parte de sua vida pela causa Você contribuiu muito, para que tivessemos um olhar solidário, e engajamento na luta, ficamos orfãos de seu saber de sua garra. Egídio Brunettto presente!!!
 
CLARA DURAN LEITE em 01/12/2011 05:47:44
Pessoal sem igual! Muito digna! Grande militante!
 
Marcelo Brito em 01/12/2011 01:02:42
Grande companheiro e amigo de todas as horas. Guardo com carinho momentos compartidos em lutas e militância. Era uma Figura!!!!
Caro Companheiro Egídio, viverás para sempre em nosso coração!!
 
Silvia Contreras em 30/11/2011 12:42:17
Egidio foi um grande semeador, que sempre buscou semear a esperança o amor ao proximo, a solidariedade entre os povos.
perdemos um grande companheiro e amigo;
Egidio vive em nossos corações!!!!!
 
simone da silva em 30/11/2011 04:56:49
Tive a oportunidade de trabalhar com Egídio. Uma pessoa simples, mas também um militante aguerrido, comprometido, e exemplo que mesmo sem um canudo de doutor, era um exímio intelectual, que com sua prática e dedicação à leitura e reeleitura da realidade, deixou-nos um legado de uma vida dedicada a causa da classe trabalhadora latino americana e mundial, a exemplo do nosso comandante Chê. Saudades!
 
Maria Clara Meurer em 29/11/2011 11:41:32
Quem, como eu, teve a oportunidade de conviver com Egídio Brunetto, guarda dele a melhor lembrança. Figura humana excepcional, solidário, indignado com as injustiças e comprometido com a luta por um mundo melhor. Um grande líder, uma perda irreparável. Minha solidariedade à família.
Egon Krakhecke
 
Egon Krakhecke em 29/11/2011 10:31:17
Escrevo do Rio Grande do Sul. De minha convivência com Egídio Bruneeto, guardo a na memória a sua firmeza e sua tranquilididade mesmo nos momentos mais tensos de enfrentamento do latifúndio e do agronegócio.
 
Edmilson Schinelo em 29/11/2011 09:25:52
a primeira vez que eu vi ,uma pessoa que estava do meu lado disse pode filmar esse homem porque o que ele falar é verdade, tudo que ele disse aconteceu no prazo exato. Perdemos um grande amigo do movimento MST
 
nilson gonçalves de rezende em 29/11/2011 02:25:12
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions