ACOMPANHE-NOS    
MAIO, TERÇA  24    CAMPO GRANDE 23º

Capital

Vermelho começa a mudar "cara" de viaduto que irá expor homenagem a araras

Ao todo, serão utilizados 100 litros de tinta látex e cerca de 400 latas de spray

Por Mirian Machado | 27/12/2021 15:38
Cor vermelha irá predominar lado de viaduto sentido Centro-bairro e contará com arara-vermelha. (Foto: Henrique Kawaminami)
Cor vermelha irá predominar lado de viaduto sentido Centro-bairro e contará com arara-vermelha. (Foto: Henrique Kawaminami)

Ao menos seis pessoas participam da intervenção artística no viaduto da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), que fica na Avenida Costa e Silva, em Campo Grande. Com meia pista interditada, a Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos) fez alguns reparos na estrutura do pontilhão nesta segunda-feira (27), enquanto um dos lados era pintado completamente de vermelho.

Segundo o artista muralista Matheus do Carmo, 26 anos, o serviço que se iniciou às 7h, deve ir até às 20h. Um dos lados será pintado completamente de vermelho, com uma arara-vermelha e a marca do Fort Atacadista, e o outro lado, pintado de azul com a arara-canindé e a marca do Supermercado Comper, ambos são parceiros da revitalização.

Ao menos 100 litros de tinta latex e cerca de 400 latas de spray serão utilizados para compor a arte. (Foto: Henrique Kawaminami)
Ao menos 100 litros de tinta latex e cerca de 400 latas de spray serão utilizados para compor a arte. (Foto: Henrique Kawaminami)

Todo o trabalho deve durar cerca de 15 dias. Ao todo, serão utilizados 100 litros de tinta látex e cerca de 400 latas de spray. A foto no final da matéria mostra como deverá ficar um dos lados do viaduto.

No local, equipes da Guarda Civil Metropolitana e da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) auxiliam o trânsito que está bloqueado em meia pista sentido bairro-Centro.

Matheus com outros dois ajudantes nesta tarde pintando o lado interno do viaduto. (Foto: Henrique Kawaminami)
Matheus com outros dois ajudantes nesta tarde pintando o lado interno do viaduto. (Foto: Henrique Kawaminami)

Matheus, que tem vários outras artes pelo Estado, contou que foi convidado para criar o projeto, que logo em seguida, foi aprovado pelos parceiros.

O artista explica que desenha desde criança e que aos 12 anos, já criava arte para estudos de tatuagem. “Meu pai era desenhista, então, acho que foi um dom de herança, depois, eu aperfeiçoei para o lado da arte urbana”, disse.

A homenagem às araras no painel irá ocupar os 40 metros de extensão da estrutura, que tem cerca de 2 metros de altura.

Esta é segunda intervenção artística em espaço público de Campo Grande, em projeto da Sectur (Secretaria Municipal de Turismo). Em julho, Tom Barbosa entregou arte semelhante no viaduto da Avenida Afonso Pena, que também fez alusão às araras.

O projeto foi lançado oficialmente na quinta-feira (23). Na ocasião, o prefeito Marquinhos Trad afirmou que o grafite deve ser valorizado por ser obra de arte. “E esse projeto combate a poluição visual e inspira paz e felicidade”. O secretário municipal de Turismo, Max Freitas, lembrou que o projeto se estenderá a outros viadutos da cidade, como os próximos da Câmara Municipal, Horto Florestal e Ernesto Geisel.

Foto mostra como irá ficar um dos lados após conclusão da pintura. (Foto: Reprodução)
Foto mostra como irá ficar um dos lados após conclusão da pintura. (Foto: Reprodução)


Nos siga no Google Notícias