A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Agosto de 2018

01/01/2012 10:58

Vigilante “surta”, faz supervisor de refém e dá tiro para o alto em fábrica

Ana Paula Carvalho e Viviane Oliveira

Um vigilante “surtou” na noite de ontem (31) após brigar com a namorada e, armado, impediu que o supervisor saísse de dentro de uma fábrica na avenida Guri Marques, onde tirava plantão.

De acordo com a Polícia Civil, após a discussão com a namorada, Carlos Henrique Lopes, de 27 anos, ligou para o supervisor relatando que não queria trabalhar e pediu que ele mandasse outro vigilante para a fábrica.

Quando os dois chegaram ao local, Carlos começou a dizer que estava cansado, que trabalha muito e que era ano novo. Em seguida ele sacou um revólver 38 e pediu para falar com um “supervisor de verdade”.

Ele permitiu que o outro vigilante fosse embora, mas manteve o outro homem até a chegada do supervisor geral. Em determinado momento, Carlos disparou um tiro para o alto.

A Polícia foi acionada, mas não chegou a ser preso porque antes da chegada dos policiais, o supervisor geral conseguiu convencê-lo a entregar a arma. Ele retirou as munições e foi para casa “descansar”.

O caso será investigado pela Polícia Civil.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions