A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 16 de Outubro de 2019

22/05/2016 07:40

Com 14 mil esperando emissão de RG, previsão é retomar serviço dia 1º

Fernanda Mathias
Previsão é restabelecer emissões de RG em 1º de junho (Foto: Alcides Neto)Previsão é restabelecer emissões de RG em 1º de junho (Foto: Alcides Neto)

O serviço de emissão de documento de identidade (RG), suspenso no dia 29 de março em Mato Grosso do Sul, deve ser retomado no mês que vem, explica o diretor do Instituto de Identificação Rubens Cyles Pereira. “Estamos lutando para retomar até o dia 1º de junho”. Segundo ele, ainda é esperado o papel-moeda, indispensável ao documento.

Enquanto isso, o Instituto tem feito a coleta de dados, fotografias e recolhido impressões e assinaturas para o documento. Até quarta-feira passada, eram 14.075 documentos por serem expedidos e, em média, são 700 novas solicitações diárias no Estado.

Rubens explica que a implantação total do novo sistema leva 150 dias, prazo que irá findar em 28 de agosto, mas no que toca a expedição de documentos, o prazo estipulado foi de 90 dias. O serviço passa a ser executado pela empresa Montreal, vencedora do processo de licitação.

Esta manhã, movimento no posto de identificação era tranquilo (Foto: Alcides Neto)Esta manhã, movimento no posto de identificação era tranquilo (Foto: Alcides Neto)

Ação na Justiça – A Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública) chegou a ingressar na Justiça com uma ação de prestação de fazer junto a 1ª Vara da Fazenda Pública de Campo Grande, com intenção de obrigar a empresa que executava o serviço – Valed Soluções – o mantivesse até que a outra empresa o assumisse.

A suspensão de emissão atinge a Capital e outros 11 municípios do Estado. A primeira emissão do RG é gratuita. Para a segunda via do documento, o custo é de quatro Uferms (Unidade Fiscal Estadual de Referência de Mato Grosso do Sul), que corresponde a R$ 93.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions