ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 31º

Cidades

Com salários atrasados, professores de escola param

Por Redação | 30/10/2009 07:56

Seis professores da escola Pastor Hilário Colognese, de educação infantil, localizada no Guanandi, deflagraram greve ontem por falta de pagamento de salários referentes a três meses.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino no Mato Grosso do Sul, Ricardo Martinez Froes, afirma que hoje de manhã a diretoria de recursos humanos da Associação que dirige a escola apresentou a proposta de quitar os salários de agosto para que os professores retornem às salas de aula e depois seja negociado o restante.

Os professores vão se reunir e avaliar a proposta. As aulas estão mantidas com professores substitutos. Em contato por telefone o Campo Grande News foi informado por funcionários que os responsáveis pelo estabelecimento só estarão no local no período da tarde.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário