A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

16/12/2011 13:21

Corregedoria faz esforço concentrado para investigar PMs acusados de contrabando

Fabiano Arruda
Secretário Wantuir Jacini diz que o importante é que as investigações estão em andamento. Ele participou de entrega de equipamentos nesta manhã na Depac Piratininga. (Foto: João Garrigó)Secretário Wantuir Jacini diz que o importante é que as investigações estão em andamento. Ele participou de entrega de equipamentos nesta manhã na Depac Piratininga. (Foto: João Garrigó)

A Corregedoria da Polícia Militar vai intensificar neste fim de ano os trabalhos que investigam policiais presos recentemente durante as operações Holambra, Fumus Malus e Alvorada Voraz, desencadeadas recentemente.

A informação é do secretário de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, durante entrevista nesta manhã em Campo Grande.

“Existem todos os prazos legais, mas o importante é que as investigações estão em andamento e novas ações poderão ocorrer casos surjam fatos novos”, explicou, apontando que a mesma situação se aplica para as ações contra caça-níqueis que já foram desenvolvidas.

As três operações prenderam, ao todo, 29 policiais militares.

As ações desmontaram esquema de contrabando de cigarros em Mato Grosso do Sul e o envolvimento dos PMs na facilitação da entrada dos produtos.

Os mandados foram cumpridos em várias cidades do Estado como Naviraí, Itaquiraí, Sete Quedas, Mundo Novo, Iguatemi e Campo Grande.

Todos os militares vão responder a processo disciplinar e podem ser expulsos da corporação.

Depac - Jacini fez as declarações em entrevista concedida hoje na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) durante entrega de novos equipamentos, uniformes e 15 coletes à prova de balas.

O titular da Sejusp aproveitou para destacar a “decisão acertada” de desmembrar as Depacs, Centro e Piratininga, ressaltando que a última tem produzido “boas investigações.

Entre as aquisições estão notebooks, pen drives, câmeras fotográficas, GPS.

Segundo o delegado Fernando Nogueira, o reforço de equipamentos que auxiliam o cotidiano dos policiais não só contribui para a rotina do trabalho policial, como influencia na eficiência da delegacia.

“Atendemos uma região de 35 bairros e 230 mil pessoas até as 18 horas e meio milhão de pessoas após as 18 horas, ou seja, toda a região Sul. É a maior delegacia do Estado”, destacou o delegado.

PM prorroga prazo para concluir investigação sobre policiais presos em operações
De acordo com o coronel Carlos Alberto David dos Santos, comandante da Polícia Militar, não foi possível concluir as investigações sobre os policiais...
Operação Alvorada Voraz cumpre mandados de prisão contra policiais
Ação é contra policiais envolvidos com contrabando de cigarro nas cidades do interior e na Capital.O Gaeco (Grupo Armado de Repressão ao Crime Organ...
Operação contra quadrilha do cigarro cumpre mandados em 9 municípios
A operação da Polícia Militar em conjunto com o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) cumpre 24 mandados de prisão e 29 ...


e o salario ó.
 
altair f.silva em 16/12/2011 11:30:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions