A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 24 de Junho de 2018

28/08/2008 17:29

Diarista poderá perder direito sobre bebê abandonado

Redação

A diarista Edilene da Silva Feitosa, 27 anos, poderá perder o direito ao poder familiar sobre o bebê recém-nascido que ela abandonou no dia 23 último, em uma caixa de papelão no bairro Zé Pereira, em Campo Grande.

De acordo com o promotor que está cuidado do caso, José Roberto Tavares, em princípio, este será o desfecho do caso, mas ainda serão analisados provas e exames já solicitados pelo MPE para definir a situação em definitivo.

Se a decisão da Justiça for pela destituição do poder familiar da mãe, o vínculo familiar por inteiro ao bebê é quebrado, explica o promotor. Ele afirmou que desconhece pedidos sobre a guarda da criança por parte de parentes da mãe, por isso não pode comentar estas situações. Porém, decisões sobre a guarda dependem da análise das provas.

O promotor adiantou que as provas e exames incluem laudo psicológico, médico e social da mãe. José Roberto Tavares lembrou que na condição de promotor do caso, não pode antecipar parecer, porém ressaltou que

Apostadores de quatro estados são os mais novos milionários do país
Apostadores de quatro estados acertaram os seis números da sorte da Mega-Sena e são os mais novos milionários do Brasil. Os sortudos são de Salvador ...
MPE realiza processo seletivo para estagiários em 37 cidades neste domingo
O MPE (Ministério Público Estadual) aplica neste domingo (24) as provas do processo seletivo para estagiário em 37 cidades do Estado. As avaliações c...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions