A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

19/09/2012 08:37

Em MS, funcionários dos Correios aguardam TST para decidir sobre greve

Paula Vitorino
Sindicato de MS espera reunião de conciliação para definiri se entre em greve ou não. (Foto: Minamar Júnior)Sindicato de MS espera reunião de conciliação para definiri se entre em greve ou não. (Foto: Minamar Júnior)

Os funcionários dos Correios de Mato Grosso do Sul não aderiram à greve nacional, iniciada hoje em 18 Estados. O Sindicato regional espera resultado de audiência de conciliação da Federação com o TST (Tribunal Superior do Trabalho), nesta manhã, para definir a adesão.

De acordo com a diretora do Sindicato, Elaine Regina Souza Oliveira, se houver acordo entre as partes nesta primeira reunião os funcionários de MS irão nem realizar assembleia para discutir a questão, continuando os trabalhos normalmente.

Mas caso não haja acordo, o Sindicato já tem data marcada para assembleia geral no próximo dia 24.

“Dependendo das negociações até lá, podemos entrar em greve a partir do dia 25 ou não”, ressalta.

O comando de negociação da Fentect reivindica 43,7% de reajuste, R$ 200 de aumento linear e piso salarial de R$ 2,5 mil. Já a empresa afirma que o índice de reajuste de 5,2% oferecido aos trabalhadores garante o poder de compra e repõe a inflação do período.

Os Correios garantem ter um plano de contingência para manter a prestação de serviços à população. Fazem parte do plano medidas como a realocação de empregados das áreas administrativas, a contratação de trabalhadores temporários e realização de horas extras e mutirões para triagem e entrega de cartas e encomendas nos finais de semana.

Assembleias de trabalhadores dos Correios aprovam greve a partir de amanhã
Distrito Federal e outros 18 estados serão afetados. No MS, trabalhos continuam até a próxima segunda-feira (24), quando haverá uma assembleiaOs tra...
Carro roubado no RJ é recuperado em estrada rumo ao Paraguai
Um automóvel recentemente roubado no Rio de Janeiro foi recuperado por policiais militares em uma estrada vicinal de Japorã –a 487 km de Campo Grande...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions