A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Junho de 2018

20/11/2008 16:06

Enade será universalizado a partir do próximo ano

Redação

A partir de 2009 o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) será universal.

Com a mudança, todos os alunos ingressantes e concluintes dos cursos de graduação que fazem parte das áreas avaliadas na edição farão a prova.

A avaliação é realizada por amostragem desde sua implantação em 2004.

A mudança está prevista na lei que instituiu o Enade e a alteração atende pedidos das Instituições de Ensino Superior (IES), que solicitavam ampliação do número de alunos que prestam o exame.

Quando a prova era realizada por amostragem, cerca de 60% do total de estudantes ingressantes e concluintes do curso eram selecionados para o exame.

O objetivo do Enade é avaliar os cursos de graduação.

A avaliação é realizada em ciclos com duração de três anos, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Assim, as 23 áreas de conhecimento avaliadas em 2008 só serão avaliadas novamente em 2011, por exemplo.

A última prova do Enade foi realizada no dia 9 de novembro.

Segundo o Inep, participaram da avaliação 564.415 alunos, sendo 329.569 ingressantes no ensino superior.

Foram avaliados 24.842 cursos de 2.367 instituições, e o custo da edição foi de R$ 25 milhões.

O Inep prevê que, com a universalização, o custo do exame aumentará em 30%

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions