A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

15/04/2010 09:13

Entidade cobra lei que manda ônibus parar fora do ponto

Redação

Movimentos sociais de Campo Grande cobram o cumprimento de uma lei aprovada em 94, mas que na prática não funciona em Campo Grande.

Aprovada pela Câmara Municipal há 16 anos, de autoria do então vereador Guy Machado, a lei obriga motoristas do transporte coletivo a parar durante a noite em qualquer lugar do percurso, quando solicitado pelo passageiro.

Em seu artigo 1º, a Lei estabelece que os ônibus coletivos devem parar em qualquer lugar do percurso normal, após às 22h, sempre que o passageiro assim o solicitar, para embarque e desembarque.

A medida seria uma forma de garantir a segurança das pessoas que, em muitos casos, moram longe dos pontos de ônibus e por isso precisam caminhar, muitas vezes sozinhas, longos trechos e em ruas mal iluminadas.

"Essa é a realidade da maioria dos bairros da periferia, a escuridão", reclama o coordenador do Cedampo (Centro de Documentação dos Movimentos Populares), Aroldo Borralho.

A aposentada Edenir dos Santos Ramos, 54 anos, conta que seus dois filhos trabalham a noite e precisam de ônibus para voltar para a casa. A família mora no bairro Jardim Presidente, região próximo ao Nova Lima.

Edenir lembra que um de seus filhos foi assaltado há três meses quando caminhava até o ponto de ônibus, que fica na avenida Mato Grosso. "

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions