A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

19/07/2013 20:35

Estado investe R$ 35 milhões e garante queda de índice de homicídios

Nyelder Rodrigues

Quarto colocado no ranking de estados que conseguiram reduzir o índice de homicídios no Brasil, Mato Grosso do Sul recebeu inúmeros investimentos no setor de segurança pública.

Um desses foi inaugurado nesta sexta-feira (19), com a presença participação do governador André Puccinelli (PMDB) e do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Carlos Alberto David dos Santos: as novas instalações do 14º Batalhão da Polícia Militar Rodoviária.

Dados do Mapa da Violência 2013: Homicídios e Juventude no Brasil, divulgado pelo Instituto Sangari, a Capital do Estado teve queda de 26,4% nos últimos dez anos no índice de ocorrências por grupo de 100 mil habitantes.

Em números absolutos, no ano de 2007 Campo Grande registrou 251 casos de homicídio, enquanto em 2011, o total de casos caiu para 170.

No ordenamento das taxas na população total das capitais, a cidade de Campo Grande ocupa a quarta colocação com 21,4% de casos de homicídios registrados em 2011, ficando atrás somente de Boa Vista (21%), Florianópolis (20,4%) e São Paulo (11,9%).

No comparativo do crescimento percentual nos anos de 2001 a 2011 das taxas de homicídio (por 100 mil) na população total dos estados e suas capitais, Mato Grosso do Sul apresentou queda de 8% nos índices de homicídios.

Segundo o Mapa da Violência de 2013, os números positivos são decorrentes de estratégias de enfrentamento da violência fortemente centradas nas capitais, como é o caso de Mato Grosso do Sul e estados como Mato Grosso e Espírito Santo.

No Mato Grosso do Sul, os investimentos na melhoria da segurança pública ultrapassam R$ 35 milhões. O valor foi empregado na compra de equipamentos, como 868 viaturas, 3.679 pistolas .40; 1,5 milhão de munição, 2.246 novos coletes e 1.500 algemas.

De acordo com o governador André Puccinelli (PMDB), os números da pesquisa apontam o compromisso da administração estadual na prioridade dada à segurança pública, saúde e educação.

“Isso nos da alento para que façamos mais. Os investimentos em segurança pública serão continuados, tanto em novos recursos humanos quanto em cursos que o governo irá aplicar para realizar o chamamento de mais 1.200 pessoas para integrarem o quadro das policias”, afirmou o governador.

Já conforme coronel David, os índices fazem com que a população possa se sentir mais segura, já que a cada dia o Governo do Estado investe mais em segurança pública e mostra pronta resposta de seu comprometimento com a segurança da população.



Isso é uma miséria comparando com o dinheiro investido em publicidade e a queda dos índices tem mais a ver com o crescimento econômico e social da população do que efetivamente dos investimentos realizados pelo atual governo na segurança. Isso é papo furado do André. As Policias de MS estão pedindo socorro, pois estão totalmente abandonadas à própria sorte. A muito tempo não se compra viaturas, armamentos, fardamentos, munição e os policiais se quiserem trabalhar tem que colocar dinheiro do próprio bolso para ter o mínimo de condições de trabalho.
 
Ana Cardozo em 20/07/2013 10:40:24
35 milhões? CPI da Segurança urgente...
 
Maikon Dias Miranda em 19/07/2013 23:42:37
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions