A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

01/05/2017 21:05

Evento voltado para o microempreendedor acontece na próxima semana

Adriano Fernandes

Começa na próxima segunda-feira (08) em todo o país, a Semana do MEI (Microempreendedor Individual), para quem não só se interessa pelo ramo como também quer formalizar e melhorar o próprio negócio.

A ação é gratuita e será realizada até o próximo dia 12, sexta-feira, pelo Sebrae, com mais de 100 atividades previstas em 15 municípios de Mato Grosso do Sul: Aquidauana, Bodoquena, Bonito, Campo Grande, Coxim, Dourados, Iguatemi, Itaquiraí, Ivinhema, Jardim, Mundo Novo, Naviraí, Nova Andradina, São Gabriel do Oeste e Três Lagoas.

A programação varia em cada uma das cidades participantes. Na capital, acontece das 8 às 17 horas, na Praça Ary Coelho, palestras e oficinas, além de orientações online, por meio do “Fale com um Especialista”; e Papos de Negócio e Facebook Live, disponíveis mediante cadastro no Portal do Sebrae. 

Inscrições - As inscrições para as capacitações presenciais em todos os municípios serão realizadas na hora e as vagas são limitadas. A programação completa, com os horários de cada ação, está disponível no Portal do Sebrae Mato Grosso do Sul – www.ms.sebrae.com.br.

Quem participar do MEI terá informações sobre como se tornar e regularizar o próprio negócio, além de dicas para buscar recursos financeiros, controlar o dinheiro, formular o preço de venda, comprar melhor e vender pela internet.

Em alguns locais, também haverá atendimento com instituições financeiras para apresentação de opções de crédito, e tira-dúvidas com entidades como o Corpo de Bombeiros, a Vigilância Sanitária e a Prefeitura, dentre outras.

MEI

Para ser um microempreendedor individual é necessário faturar no máximo média de R$ 5 mil por mês e não ter participação em outra empresa como sócio ou titular. Pode-se ter um empregado contratado que receba o salário mínimo ou o piso da categoria.

O MEI é automaticamente enquadrado no Simples Nacional e está isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). Assim, paga apenas o valor fixo mensal de R$ 47,85 (comércio ou indústria), R$ 51,85 (prestação de serviços) ou R$ 52,85 (comércio e serviços) - destinado à Previdência Social e ao ICMS ou ao ISS -, montante atualizado anualmente, conforme o salário mínimo.

Entre as vantagens da atividade estão o registro no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) - o que facilita a abertura de conta bancária, o pedido de empréstimos, a emissão de notas fiscais e a participação em processos licitatórios -; além de acesso a benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença, aposentadoria, entre outros.

A iniciativa é uma parceria entre: Associações Comerciais, Prefeituras Municipais/ Salas do Empreendedor, Amems, Agenfa, Corpo de Bombeiros, Sescon/MS, Receita Federal, IMAM, INSS, Senac/MS, instituições bancárias e cooperativas de crédito.
Programação completa e mais informações: 0800 570 0800 ou Portal do Sebrae.

 

MEC quer programa para ocupar vagas ociosas em universidades públicas
O Ministério da Educação (MEC) estuda criar ainda este ano uma nova modalidade do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), chamada Sisu Transferência, vo...
Mega-Sena acumula de novo e prêmio para sábado vale R$ 22 milhões
O segundo sorteio da Mega-Sena, desta semana que terão três, mais uma vez, voltou acumular, devido a falta de acertadores no prêmio principal. O sort...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions