A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

17/10/2013 12:31

Família faz "galinhada" na Capital para custear transplante de coração infantil

Graziela Rezende
Clara precisa fazer o transplante em São Paulo. Clara precisa fazer o transplante em São Paulo.

Para custear o tratamento de transplante de coração infantil, procedimento não realizado em Mato Grosso do Sul, uma família da Capital promoverá no dia 10 de novembro, uma “galinhada beneficiente”, na igreja localizada na rua Tenente Flávio de Carvalho, esquina com a Édmo Machado, bairro Santa Emília. Com o dinheiro, os parentes pretendem levar a menina de um ano e três meses para São Paulo.

Segundo Marcos Costa, tio de Clara Emanuelle, a descoberta da doença ocorreu quando a menina estava com seis meses de idade. “Ela começou a ter crises simulares a engasgos e, por várias vezes, foi levada ao posto de saúde, mas lá só mediam, pesavam o bebê e diziam que estava bem. O problema agravou e numa forte crise decidiram levá-la ao Hospital Regional”, conta o tio.

Após exames, a menina foi diagnosticada com “miocardiopatia dilatada ventricular esquerda, causada por uma bactéria que deveria ser eliminada por meio de tratamento logo no início das crises”.

O documento do hospital indica o transplante, algo não realizado no Estado. Desde então, constantemente a mãe da criança viaja para São Paulo, tendo gastos com estadia e a passagem de avião, algo determinado pela médica devido à gravidade do problema.

Ingredientes - O almoço beneficente será no dia 10 de novembro e os familiares pedem ajuda para comprar os ingredientes, como galinha, salada e mandioca. No dia, o ingresso será vendido a R$ 10, com a bebida vendida a parte. Levar prato e talher. Quem quiser ajudar pode entrar em contato com o Marcos, por meio do telefone (67): 9228-6727.



Gente materia boa para postar no FACEBOOK e todos COMPARTILHAR, fazendo assim uma enorme corrente do BEM!!!
 
Valdecí Batista Santos em 17/10/2013 13:51:02
Será que não aparece nenhum daqueles 69 advogados que assinaram o HC do injustiçado DUDU, preso com drogas e dano ao patrimônio público, para fazer um pedido na justiça para o Município, Estado e União custearem esses gastos? É a nossa gloriosa OAB invertendo valores. Já que no caso em tela, não há destaque na mídia. Espero a publicação.
 
Marco Antonio em 17/10/2013 13:43:55
TAMOS JUNTOS





NEI SALVIANO
 
nei salviano em 17/10/2013 12:54:26
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions