A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

29/06/2010 14:31

Federação diz que média salarial divulgada não é correta

Redação

A Fenajufe (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e do MPU) divulgou nota dizendo que reivindica a equiparação salarial da categoria com as carreiras do Executivo e do Legislativo que exercem função similar e que as médias salariais divulgadas pela imprensa não é verdadeira.

A greve, que dura mais de 50 dias, mobiliza quase 80% de todos os servidores do judiciário federal no Brasil. No Estado, a paralisação ocorre desde o dia 29 de maio.

A Federação afirma que há um grave erro no cálculo feito para se chegar a médias salariais dos servidores do Judiciário Federal e do MPU, porque no geral são incluídos também aqueles servidores que têm gratificações e funções comissionadas já incorporadas em seu salário, além de juízes e procuradores.

Eles ainda protestam contra o PLP 549/09, que congela o salário dos servidores públicos por dez anos.

Algumas das carreiras do judiciário federal estão há mais de quatro anos sem aumento salarial, uma vez que os últimos planos de cargos e salários foram aprovados em 2006 já com suas tabelas defasadas.

Salários

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
Governo Federal reduz período do horário de verão para 2018/19
O presidente Michel Temer assinou hoje (15) um decreto reduzindo em duas semanas o horário de verão em 2018. No ano que vem, a medida começará a vale...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions