A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

12/09/2015 09:01

Funcionários dos Correios ameaçam entrar em greve na próxima semana

Michel Faustino
Trabalhadores devem decidir na próxima semana se irão parar às atividades. (Foto:  (Foto: Simão Nogueira/Arquivo)Trabalhadores devem decidir na próxima semana se irão parar às atividades. (Foto: (Foto: Simão Nogueira/Arquivo)

Os funcionários dos Correios em Mato Grosso do Sul ameaçam parar as atividades a partir da próxima terça-feira, 15, em razão da inércia por parte da empresa em avançar nas discussões quanto à negociação salarial, entre outros itens da pauta de reivindicações. Os trabalhadores cobram ainda participação nos lucros e resultados (PLR), vale-alimentação e plano de saúde que constam no acordo coletivo de trabalho.

Segundo a presidente do Sintect-MS (Sindicato dos Trabalhadores dos Correios e Telégrafos de Mato Grosso do Sul), Elaine Regina, os trabalhadores dos Correios avaliam como desrespeitosa a forma como a direção da empresa vem tratando o processo de negociação do acordo coletivo de trabalho.

“A empresa vem enrolando há um mês e meio e até agora não apresentou respostas às nossas reivindicações nas Cláusulas Sociais. E para nossa surpresa, a empresa apresentou na reunião de ontem, 01 de setembro, uma proposta na Cláusula de Assistência Médica e Odontológica que retira direitos já conquistados pelos trabalhadores”, disse.

De acordo com a sindicalista, todos os 36 sindicatos marcaram assembleias para o dia 15 de setembro e caso não tenha uma proposta da empresa – ou esta seja considerada insatisfatória – os funcionários dos Correios entrarão em greve a partir das 22 horas da próxima terça (15).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions