ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 27º

Cidades

Governo avalia nova licitação ou contratação para Aquário, diz Reinaldo

Solução será submetida ao TCE e MPE, mas ainda não há prazo

Mayara Bueno e Leonardo Rocha | 04/12/2017 11:38
Governador Reinaldo Azambuja (PSDB) durante coletiva nesta segunda-feira. (Foto: Chico Ribeiro/Governo do Estado).
Governador Reinaldo Azambuja (PSDB) durante coletiva nesta segunda-feira. (Foto: Chico Ribeiro/Governo do Estado).

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), afirma que busca com o TCE (Tribunal de Contas Estadual) e MP (Ministério Público) uma saída para concluir o Aquário do Pantanal, obra iniciada em 2011 nos altos da avenida Afonso Pena, em Campo Grande.

A situação emperrada há anos ganhou um novo capítulo semana passada, quando a 2ª colocada na licitação recusou assumir o empreendimento. Antes disso, a Egelte - 1ª colocada - desistiu de concluir e pediu a rescisão do contrato.

Com isso, o governo afirma que vai novamente buscar solução jurídica com os órgãos de controle. Uma das alternativas, conforme disse hoje o governador, será contratar uma nova empresa sem licitação. Ou, ainda, abrir uma nova concorrência pública.

O prazo, no entanto, não foi anunciado. A obra consumiu até agora pelo menos R$ 200 milhões de recursos públicos.

Desde que Azambuja assumiu o governo, o empreendimento foi retomado e paralisado pelo menos três vezes até parar de vez ano passado.

Nos siga no Google Notícias