A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

03/08/2013 10:09

Governo dá largada a obra da MS-040 para tirar região do isolamento

Lidiane Kober
Prefeito de Água Clara disse que obra irá integrar a região (Foto: Divulgação)Prefeito de Água Clara disse que obra irá integrar a região (Foto: Divulgação)

De olho em tirar municípios da região leste de Mato Grosso do Sul do isolamento, o Governo do Estado publicou, na quinta-feira (1), dois novos contratos no valor de R$ 55 milhões para pavimentar a rodovia MS-040, entre Campo Grande a Santa Rita do Pardo. O investimento irá encurtar distâncias de acesso à Capital e ao Estado de São Paulo e baratear o custo da escoação da produção.

A obra passará por Campo Grande, Ribas do Rio Pardo, Água Clara, Brasilândia e Santa Rita do Pardo. “Hoje, precisamos andar 140 quilômetros de estrada de chão ou ir até Bataguassu para chegar a Santa Rita do Pardo, com obra, teremos uma nova e melhor opção de deslocamento”, disse o prefeito de Água Clara, Silas José (PSDB).

Ainda de acordo com o prefeito, a pavimentação possibilitará acesso asfáltico a moradores da zona rural do município a Campo Grande e ao Estado de São Paulo. “Isso facilitará e irá baratear a escoação da produção pecuária e de eucalipto”, destacou. Segundo Silas, com a instalação de grandes empresas de celulose em Três Lagoas, cresceu na região o cultivo de eucalipto.

Conforme o Governo do Estado, o lote 6 será executado no subtrecho que começa no Km 120,183 e vai até o Km 139,383, numa extensão de 19,200 quilômetros, nos municípios de Campo Grande e Ribas do Rio Pardo, totalizando investimento de R$ 26.506.294,84. No lote 5, o asfalto será no subtrecho compreendido entre o Km 97,283 e Km 120,183, numa extensão de 22,900 quilômetros, em Campo Grande. A obra custará R$ R$ 28.532.583,49.

O prazo para execução dos serviços é de 270 dias consecutivos, contados a partir da data de recebimento da ordem de início dos serviços. A rodovia integra o Programa MS Forte 2, pacote de investimentos em diversas áreas que será lançado pelo governador André Puccinelli (PMDB) no dia 15 de agosto. “A MS-040, nos seus 244 quilômetros, vai unir as Três Barras passando pelo meio de Ribas do Rio Pardo, Água Clara e chegando a Santa Rita do Pardo”, destacou Puccinelli.

Lotes anteriores - No dia 16 de julho, o Governo do Estado anunciou outros três contratos para a execução de pavimentação da MS-040. O lote 7 corresponde a uma extensão de 19,5 quilômetros, na cidade de Ribas de Rio Pardo. Os investimentos somam mais de R$ 27 milhões. Já o lote 8 se refere a 24,8 quilômetros em Ribas do Rio Pardo com recursos de R$ 31,4 milhões. O lote 9 tem extensão de 18,8 quilômetros, nos municípios de Ribas do Rio Pardo e Santa Rita do Pardo.



nao esqueça que essa verba foi a Dilma que liberou quando veio a campo grande
 
silas josé manfred em 05/08/2013 09:58:34
MUITO BOM ESTE TRECHO MERECE MESMO SER ASFALTADO,POIS VAI INTERLIGAR COM MUITO MAIS FACILIDADE MS AO ESTADO DE SP.POREM AINDA VAI FACILITAR A VIDA DE MUITOS MORADORES DA ZONA RURAL DESSA REGIAO.
PARABÉNS PELA OBRA.
 
EDINALDO FREITAS em 04/08/2013 18:37:28
Quero agradecer o Governador Andre e o Secretario Giroto, pela obra de pavimentação da ms 324, num total de 15.5 km, esta sim ira beneficiar os moradores da zona rural do nosso município, porque a ms 040 não passa pelo município de Água Clara.
 
Vicente Amaro em 04/08/2013 17:32:05
ainda bem q o girotto voltou. as obras andam.
 
joao bosco alves em 04/08/2013 10:39:11
Se não for a CGR que fará os serviços deve ser a GCR ou RCG (no fundo é tudo a mesma coisa e o mesmo esquema). Ano que vem é ano político e é preciso fazer "caixa".
 
Heraldo Assad em 04/08/2013 00:03:06
Mato Grosso do Sul já completou 36 anos e até agora ainda existem
rodovias estaduais sem pavimentação asfáltica. Quando o governo anuncia uma nova obra de pavimentação, temos que fazer festa, porque quem conhece a história dos nossos governantes, sabe qual o principal motivo porque ainda há muita coisa prioritária que deixou de ser feita. Por exemplo, a rodovia Bonito/Bodoquena só inaugurada em 2013, quando todos sabem que a rota turística Bonito/Pantanal, é uma grande mina de dinheiro para empreendedores e divisas para o Estado. Os nossos comandantes se preocupam mais em atender os seus interesses particulares, mas nunca tem a população como prioridade, infelizmente!
 
Olices Trelha em 03/08/2013 16:16:26
No cumprimento do contrato tem que existir o caracrachá, ou seja se a espessura do asfalto é a mesma do pape!!!
 
josé airton recalde em 03/08/2013 16:01:22
Será que a CGR vai fazer esses trechos??? Gostaria de saber. O Girotto voltou e tudo deve voltar como era antes.
 
Olavo Nunes em 03/08/2013 11:11:41
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions